Home Notícias TAG cria o seu primeiro smartwatch

lilreviews-tag-2

Vivemos num mercado cada vez mais tecnológico e mais de caprichos para os consumidores no seu dia-a-dia. Começando em pequenos detalhes em gaming está-se a criar uma tendência para a utilidade prática no quotidiano.

No segmento dos relógios já existem muitos fabricantes com diversas soluções.
A TAG foi a primeira marca tradicional a chegar a este novo campo e fê-lo com uma proposta única, o TAG HEUER CONNECTED.

lilreviews-tag-3

Este novo relógio da TAG segue toda a sua linha de relógios, mas com a diferença de ser um smartwatch. Foi mantida a estética que se reconhece num relógio desta marca, conseguindo uma proposta única. Em marcas globais como a TAG não se pode esperar uma revolução estética de um momento para o outro, pois são imagens que valem imenso. Relativamente a este fabricante falamos da qualidade intrínseca que se lhe reconhece e todos os detalhes e exclusividade que sabem criar.

Por baixo desta capa intemporal, a TAG colocou um coração digital, capaz de correr o sistema operativo da Google, com muita fluidez. Graças à sua bateria de 410mAh conseguimos manter o Connected em funcionamento durante vários dias e assim ter à disposição todas as capacidades que vemos noutros smartwatches que são alimentados pelo Android Wear.

lilreviews-tag-4

Relativamente a pequenos detalhes e a somar aos já conhecidos sensores que equipam os normais smartwatches, a TAG indica que o seu relógio vem equipado com sensores de vento lateral e monitorização da previsão atmosférica. Estamos perante um relógio que vai ser um must-have para os admiradores da marca, com tudo que tecnologicamente imaginam à disposição através de um ecrã redondo.

Pesa apenas 52g, está equipado com um processador Intel dual core 1.6GHz, 1GB memória RAM e com um ecrã LTPS LCD com uma resolução de 240 ppis.
A escolha feita para alguns componentes e para a sua estética em geral, torna este TAG muito especial e apetecível.

Com 46,2mm de largura e 12,8 de altura, este smartwatch é mais largo que um Moto360 e mais alto que o Huawei Watch. O material usado na sua construção, o titanium, promete algum peso a mais do que é normal

lilreviews-tag-cover

Esta não é a primeira marca de relógios a criar um modelo a que chama inteligente, mas é a primeira a lançar um que permite instalar aplicações, à semelhança do que fazem os telemóveis e tablets, e os relógios de marcas como a Apple e a Samsung. Os modelos menos sofisticados são relógios digitais com várias funcionalidades, mas que o utilizador não consegue ligar a uma loja de aplicações, ficando assim limitado ao que o fabricante pré-instala.

Ainda não existe uma data estimada de mercado, mas segundo o fabricante querem conquistar as pessoas, novos seguidores e dar a melhor solução possível para um smartwatch.

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos