Home Periféricos SteelSeries Sensei Frost Blue

Introdução

SteelSeries_01Hoje temos uma review de um parente próximo de um rato de alta qualidade que já por cá passou, o SteelSeries Sensei. O rato que vamos apresentar hoje é uma variação do seu antecessor, com um tema de cores original, estamos a falar do SteelSeries Sensei [RAW] Frost Blue.

Steel Series Sensei [RAW]_10

A SteelSeries é uma marca que dispensa apresentações, e uma das quais já por cá passou várias vezes sempre com grandes avaliações, no entanto a qualidade dos periféricos desta marca costuma refletir-se no preço. De maneira a ir ao encontro de outros nichos de mercado a empresa criou o segmento [RAW] que tenta reduzir os periféricos, como ratos, teclado ou headphones, ao seu essencial, com poucos ou nenhuns extras, e portanto com um preço mais em conta.

Especificações

  • Frames Per Second: 12000
  • Counts Per Inch: 90 – 5670
  • Aceleração: 30 G
  • Lift of Distance (LOD): 2 mm
  • Botões: 8
  • Cabo: 2 metros (borracha)
  • Peso: 90 g
  • Pooling máximo: 1000 Hz

Embalagem e Conteúdo

Steel Series Sensei [RAW]_01

Apesar de este rato pertencer a um segmento mais contido no preço, a caixa tem a mesma aparência que podemos observar no resto dos produtos desta marca, já que os standarts de qualidade não mudam, e à semelhança de outras marcas, as embalagens de produtos da SteelSeries tentam ter uma apresentação similar de maneira a tornar qualquer produto da marca mais reconhecível.

Steel Series Sensei [RAW]_02

Abrindo a capa frontal podemos ver e até pousar a mão totalmente sobre o rato de modo a testar a sua ergonomia, relembrando que este é ambidestro.

Steel Series Sensei [RAW]_03

Na traseira da caixa podemos conhecer todas as informações técnicas inerentes a um periférico deste tipo, ainda que a SteelSeries faça a sua caracterização com especificações diferentes de outras marcas.

Steel Series Sensei [RAW]_07

Como tinha referido a série [RAW] é caraterizada pela exclusão de qualquer característica não essencial no produto, e portanto dentro da caixa apenas iram encontrar um guia, um autocolante com o logótipo da marca e o SteelSeries Sensei [RAW].

Steel Series Sensei [RAW]_11

O rato que estamos a analisar pertence a uma edição limitada, Frost Blue, que se caracteriza por ter um exterior branco espelhado com alguns cinzentos à mistura e iluminação azul clara, conferindo-lhe um aspeto único e bastante agradável, e que faz conjunto com os headphones SteelSeries Siberia V2 Frost Blue Edition.

Steel Series Sensei [RAW]_16

À semelhança do seu predecessor, o Sensei [RAW] é um rato ambidestro, com 3 botões no topo, 2 de cada lado, e um botão central que permite a troca entre perfis. Por outro lado, algumas das características que o Sensei original tinha, como o ecrã na base ou cabo entrançado, foram retiradas já que eram apenas um complemento e não são essenciais à utilização do rato.

Steel Series Sensei [RAW]_20

Outra das características que poderão notar a falta é a capacidade de iluminação com várias cores, sendo que esta versão apenas permite uma iluminação azul no símbolo da marca e na roda de scrolling. No entanto não tenham dúvidas que esta cor encaixa muito bem no tema Frost Blue.

Steel Series Sensei [RAW]_21

Na base do rato continuamos a ter uns grandes patins de maneira a proporcionar um deslizar confortável no tapete, e o sensor que equipa este Sensei [RAW] é exatamente o mesmo que no Sensei original, e que segundo a marca permite a captura de imagens de alta definição de 10 megapixéis, até 12000 frames por segundo e é capaz de responder a movimentos de até 150 polegadas por segundo.

Steel Series Sensei [RAW]_15

Software

Steel Series EngineComo não podia deixar de ser, o Sensei [RAW] é suportado pelo SteelSeries Engine, de maneira a que as suas capacidades consigam ser personalizadas.

Algo que gosto muito no software da SteelSeries é a sua organização e sobriedade. O programa tem uma disposição bastante intuitiva e é fácil criar novos perfis de teclas para o Sensei [RAW], sejam estas macros mais complexas ou simplesmente teclas únicas.

Steel Series Sensei [RAW]_22

Uma das características que mais senti falta neste Sensei [RAW] foi a capacidade de poder utilizar mais do que 2 perfis. Infelizmente, e de maneira a simplificar o hardware, e assim reduzir o preço, este rato apenas permite a troca entre duas configurações, Led Ligado e Led Desligado. Aqui podemos alterar a velocidade do rato de maneira rápida com apenas um click, mas nada mais.

Steel Series Sensei [RAW]_23

Utilização

O exterior espelhado do Sensei [RAW] dá-lhe um aspeto fantástico, conferindo-lhe um toque de perfeição nos acabamentos. Apesar de não poder comprovar de imediato parece-me que, por ter um topo totalmente envernizado, a durabilidade desta peça será bem maior quando comparado com outros materiais mais rugosos, e por outro lado facilita bastante a sua limpeza.

Steel Series Sensei [RAW]_17

Contudo, e mesmo não suando muito das mãos, o facto de o topo ser totalmente liso não lhe confere um conforto tão bom em sessões de gaming alargadas como outros materiais mais rugosos que já testei, mas isto poderá ser só uma opinião pessoal, fica a nota. Se optarmos pela versão standart do Sensei [RAW] temos acesso a dois tipos de acabamentos, o espelhado como o que aqui apresentamos, ou uma versão mais rugosa, ambas em preto.

Como já disse, o facto de este rato ter a designação [RAW] faz com muitos dos extras sejam descartados. Enquanto que o sensor laser ADNS-9500 se mantém o mesmo que na versão original, o Sensei [RAW] não vem equipado com um processador ARM que permite uma interpolação e previsão mais avançada dos movimentos do rato.

Steel Series Sensei [RAW]_13

Durante o tempo que utilizei o Sensei [RAW] este nunca apresentou nenhuma falha ou paragem repentina, e os movimentos do ponteiro foram sempre muito fidedignos aos reais. Mesmo sem o processamento avançado que o processador ARM permite, o Sensei [RAW] continua a ser um rato de grande precisão.

Algo que gosto, e que já me habituei a ver nos periféricos de gama alta, é um cabo entrançado, já que é algo que lhe atribuiu uma maior durabilidade e permite que este não se deforme facilmente. Infelizmente neste modelo o cabo que temos não é entrançado, mas de qualquer maneira o material usado no seu exterior continua a ser resistente, já que é um cabo bastante grosso e que não se emaranha com facilidade.

Steel Series Sensei [RAW]_14

O scroll deste rato é algo que me deixa um pouco intrigado já que me parece demasiado solto, quase como se já tivesse um tempo considerável de uso, algo que não acontecia no Sensei original. Porém não consigo confirmar se foi realizado algum downgrade na qualidade das peças da versão original para esta, mas será algo a ter em conta.

Steel Series Sensei [RAW]_08

Saltando para a utilização real, apenas tenho a dizer bem deste rato. A sua precisão é irrepreensível, tanto em FPS, RTS ou num uso casual. O facto deste ser simétrico e apresentar botões laterais em ambos os lados é um trunfo, enquanto que o seu peso bastante baixo ajuda em longas sessões de jogo.

Ao usá-lo na mão direita, os botões laterais estão bem localizados e permitem que o utilizador arraste ou levante o rato sem os ativar inadvertidamente. Quanto aos botões laterais do lado contrário, obviamente não estão num sítio de fácil acesso para os dois últimos dedos, mas com algum hábito torna-se mais fácil usá-los se necessário, e nunca me ocorreu nenhuma ativação inadvertida.

Conclusão

A SteelSeries é uma marca bastante tradicional no que toca ao desenho dos seus periféricos, não arriscando desenhos muito extravagantes, pode-se dizer até que os seus produtos passam despercebidos a quem não os conhecer, mas algo que não passa são os seus preços. Mesmo que estes sejam justificados devido à qualidade de construção e características dos seus equipamentos, existe um grupo de utilizadores que não está disposto a pagar este tipo de preços, sendo que alguns não tiram partido total de tudo o que um certo rato ou teclado oferecem.

Steel Series Sensei [RAW]_04

Para estes surgiu a série [RAW], onde por um preço consideravelmente menor, temos produtos da SteelSeries, que respeitam o seu padrão de qualidade e que conseguem assim combater as muitas opções que temos na gama dos 60€, onde entra este SteelSeries Sensei [RAW] Frost Blue.

No final este é um rato com um bom balanceamento entre gaming de alta performance e utilização diária, onde os extras que aqui notámos a falta, não desempenham um papel preponderante.

Steel Series Sensei [RAW]_19

Pelos cerca de 55€ que nos pedem, este rato é uma boa opção, e algo que podemos seguramente recomendar à maior parte das pessoas, sendo que algumas das falhas que notei poderão ser apenas de índole pessoal, como o conforto do material espelhado (o qual pode ser trocado por um material mais rugoso), ainda que outras sejam mais evidentes como a falta de um cabo entrançado ou a troca entre apenas dois perfis de velocidade em tempo real.

Despeço-me dando uma pontuação de 8.9 ao SteelSeries Sensei [RAW] Frost Blue.

selo-8_9

O Bom:

  • Performance
  • Peso
  • Preço

O Mau:

  • Apenas dois perfis de velocidade
  • Scroll demasiado solto


0 Comentários a este artigo

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos