Home Periféricos Headphones SteelSeries Flux

SteelSeries Flux_01

Introdução

Qualquer gamer ou utilizador exigente conhece a marca SteelSeries e sabe que esta se pode gabar de um reportório de periféricos de uma qualidade acima da média. A característica mais presente nos seus produtos para além da qualidade, é um design sóbrio e simples, que não necessita de luzes e desenhos arrojados para chamar a atenção, e não fugindo à regra vamos apresentar os Flux, os auscultadores de tamanho médio mais recente da marca que nos deixam a mensagem “Flux yourself. In style.”

SteelSeries Flux_06

Existe uma grande comunidade fiel aos headsets desta marca que apresenta escolhas para todos os tamanhos e para “algumas” carteiras, desde a série Sibera aos vários modelo H entre outros. Os Flux são um modelo mais pequeno e portátil que os anteriormente referidos, e vêm recheados de características que vão agradar tanto a gamers como utilizadores casuais, sem esquecer a tendência que já começamos a notar aqui no Lilireviews que é uma ligação cada vez mais forte aos dispositivos móveis e à personalização.

 

Características

Auriculares

  • Frequency response: 18 – 28000 Hz
  • Impedance: 29 Ohm
  • SPL@ 1kHz, 1 Vrms: 118 dB
  • Cable length: 1.2 m + 2 m = 3.2m
  • Jacks: 3.5 mm

 

Microfone

  • Frequency response: 50 – 16000 Hz
  • Pick up pattern: Omni-directional
  • Sensitivity: -38 dB

 

Embalagem e Conteúdo

SteelSeries Flux_02

Os Flux vêm numa caixa, vamos dizer, singular… apesar desta embalagem apresentar os auscultadores da melhor maneira possível, bem organizados e protegidos, não é uma caixa que na minha opinião faça jus ao material que se encontra no seu interior. A arrumação no interior da caixa é, como se pode ver, bastante boa, e a face frontal da caixa é constituída por um plástico semi-rígido garantindo que apesar de toda esta exposição do material, este não se vai danificar facilmente no transporte.

SteelSeries Flux_03

O conteúdo da caixa é constituído pelos auscultadores, manuais, autocolante da SteelSeries e por 2 cabos, um com as 2 pontas tradicionais para auscultadores e microfone e outro com uma ponta única que funde as 2, muito usado em dispositivos mais pequenos como telemóveis.

SteelSeries Flux_07

O primeiro contacto com os Flux é como um bom presságio, desde os materiais usados até à qualidade de construção. Estes são uns auscultadores bastante leves mas que inspiram uma boa confiança, são rígidos nas hastes e não apresentam folgas nem ruídos, enquanto que em termos de materiais escolhidos podemos ver um cuidado acrescido. A banda da cabeça é constituída por uma espécie de borracha pouco rígida e bastante agradável ao toque semelhante a outros periféricos que por aqui passaram, e mais abaixo as hastes são compostas por um plástico rígido.

SteelSeries Flux_12

Os auriculares têm uma capa destacável que pode ser trocada. No modelo base destes Flux apenas estão incluídas um par de capas mas no site da SteelSeries podem comprar unidades extra com várias cores e acabamentos. O sistema de encaixe destas capas é muito eficaz e simples, através de um íman no centro e uma posição única de encaixe, estas podem ser trocadas quantas vezes quiser sem apresentar nenhum tipo de desgaste. Se o padrão desenhado por debaixo das capas for apelativo a algum utilizador até pode não usar nenhuma!

SteelSeries Flux_17

A qualidade dos materiais não se fica apenas pelo exterior dos Flux. As almofadas que vêm com este modelo base não são umas almofadas normais com revestimento em tecido, a SteelSeries batizou-as com o nome SNDBLOCK e sem ainda analisar a sua qualidade em termos de conforto posso dizer que são bastante espessas e moles. Através do site, ou disponíveis logo na versão “Luxury”, podemos ter acesso a outro par de alfodas SNDBLOCK mas revestidas a pele sintética.

SteelSeries Flux_18

Por debaixo das almofadas estão drivers de 40 mm, o mesmo tamanho que podemos encontrar na maior parte dos headsets full-size analisados aqui no Lilireviews. No entanto é de louvar o trabalho que a SteelSeries desenvolveu de maneira a incorporar drivers deste tamanho num modelo tão compacto, e com características como impedância de 29 Ohm e frequências de resposta os entre 18 – 28000 Hz, algo que apenas vemos em modelos de gamas mais altas.

SteelSeries Flux_11

Os ajustes a qualquer tipo de cabeça estão garantidos pela grande versatilidade destes Flux em termos de forma. A banda da cabeça é maleável e os auriculares podem ser rodados tanto na vertical como na horizontal, quanto ao ajuste em altura não é particularmente grande mas deverá acomodar grande parte das cabeças.

SteelSeries Flux_13

De maneira a garantir o máximo de portabilidade e uma menor probabilidade de se estragarem dentro de alguma mala, os Flux podem ser completamente dobrados produzindo uma forma o mais compacta possível.

SteelSeries Flux_20

Os 2 tipos de cabos disponibilizados permitem uma ligação em separado do microfone e dos auscultadores ou um cabo único para os dois dispositivos. Isto é sem dúvida bem vindo caso usem os Flux para ouvir música através de telefones, e ambos os comandos conseguem atuar como microfones omni-direcionais não necessitando de desligar os auscultadores para atender uma chamada. O comando maior inserido no cabo com as 2 pontas possui um interruptor que permite ligar e desligar o microfone, enquanto que o comando mais pequeno que corresponde ao cabo de ponta única tem um botão único que permite fazer play/pause da música em dispositivos compatíveis.

Contudo se estiverem a pensar ligar estes auscultadores à traseira do vosso desktop provavelmente terão de pôr a hipótese de comprar uma extensão já que o comprimento de ambos os cabos não passa dos 1.5 metros, ao contrário do que é anunciado no site onde falam em 2 metros.

O material usado no revestimento dos cabos é uma borracha grossa que não permite que estes ganhem jeitos mesmo depois de saídos da caixa.

SteelSeries Flux_10

Uma particularidade destes Flux é o facto de poderem ser ligados em cadeia, disponibilizando apenas uma fonte de som a vários utilizadores. Se quiser partilhar uma música ou filme com alguém basta ligar os auscultadores da outra pessoa aos seus e podem assim ouvir a mesma coisa de forma sincronizada, perdendo apenas um pouco da potência de som original. Para além disto podem escolher qual o lado que vos dá mais jeito para ligar o cabo, já que qualquer um dos lados é funcional.

 

Utilização

O contacto imediato com os Flux é muito bom, tudo parece estar no ponto exato, o peso é tao baixo que não é sequer necessário uma almofada na banda da cabeça para conforto, a pressão que estes fazem nos ouvidos é pouca mas é mais que suficiente para que se possa abanar a cabeça sem que estes se movam muito, e finalmente aquelas almofadas dos auriculares que prometiam um grande conforto só de vista não desiludem, posso mesmo dizer que são das melhores almofadas que já testei em headsets. Se juntarem a qualidade das almofadas ao facto de poderem escolher entre tecido e pele sintética está garantido um conforto para todos os gostos (não esquecendo que com a versão base destes Flux apenas está incluído o revestimento em tecido).

SteelSeries Flux_08

Graças aos dois graus de liberdade, os auriculares mantêm um contacto completo com a orelha, permitindo um trabalho mais eficaz da espuma SNDBLOCK autoria da SteelSeries. De facto estes pequenos auriculares conseguem um isolamento de som eficaz apesar do seu tamanho, depois de ligado algum som pouco ou nada se ouve do exterior.

SteelSeries Flux_09

Passando ao que importa em qualquer tipo de auscultadores, a qualidade de som destes SteelSeries Flux apenas é comparável a modelos de topo! Os drivers de 40 mm partilhados por headsets maiores fazem um trabalho espetacular na reprodução de som.

Em jogos a abertura do som é boa e a localização espacial que se percebe é muito boa, de facto é fácil localizar sons mais discretos como passos graças á maior gama de resposta e um som detalhado. Contudo os sons mais graves das explosões não vão fazer estremecer tanto os ouvidos como outros headsets de maior porte que já por aqui passaram já que não conseguem rodear completamente o ouvido, mas podem contar com uns graves potentes.

SteelSeries Flux_05

Em filmes e música os Flux têm um desempenho fabuloso fazendo frente a modelos superiores tanto em tamanho como preço. O som é bastante cristalino criando uma boa mistura entre os tons agudos e médios, já os graves estão algo escondidos até se obrigar a sua manifestação através do equalizador e um puxando um pouco mais o volume, mas depois disto eis que eles marcam uma grande presença, espantosa até para uns auscultadores deste tamanho.

Se quando compram uns auscultadores a primeira coisa que tentam fazer é testá-los no volume máximo então poderão ter de pensar duas vezes antes de o fazerem com os Flux. Estes pequenos auscultadores conseguem atingir um volume incrivelmente alto, e aparentemente sem qualquer tipo de distorção, e digo aparentemente porque realmente não os consegui testar de forma contínua e completamente assentes sobre o ouvido no seu volume máximo!

SteelSeries Flux_16

Quando precisar mos de fazer uma pausa é possível deixar os Flux presos á volta do pescoço sem que se tornem desconfortáveis já que os auriculares são capaz de rodar 90º completos, ficando confortavelmente pousados no peito.

SteelSeries Flux_19

O microfone disponibilizado através do comando é suficiente para um uso mais casual mas não é de todo o indicado para sessões de jogo com amigos através de chats de voz. O facto de ser omni-direcional faz com que este capte som de qualquer direção que ele venha, o volume de captação apenas é aceitável se ligarem a opção Mic Boost do Windows que apesar de aumentar bastante o volume para um nível aceitável também cria algum ruído de fundo, e finalmente podem contar com ruídos do microfone a raspar na roupa já que o comando está pendurado no fio.

 

Conclusão

Com a chegada destes Flux ao reportório, a SteelSeries tem agora um modelo de tamanho médio digno de representar a promessa de qualidade que a marca defende.

SteelSeries Flux_15

Os Flux entram num segmento onde a oferta disponibilizada por marcas dedicadas ao gaming não é muita, no entanto estes auscultadores conseguem o melhor de dois mundos, portabilidade e qualidade. O seu tamanho esconde uma performance equiparável a modelos circum-aurais no que trata da qualidade de som e localização espacial, ficando apenas ligeiramente aquém no impacto dos graves.

Tanto a qualidade como quantidade de som destes auscultadores estão asseguradas a um nível superior. Os materiais escolhidos e a qualidade de construção são ambos irrepreensíveis, criando uns auscultadores muito confortáveis e resistentes, e a oferta de 2 cabos diferentes irá agradar utilizadores que usem os Flux longe do PC.

SteelSeries Flux_14

Mesmo depois de uma análise recheada de características únicas e com poucos pontos negativos relevantes, fico a pensar se vale a pena pagar 90€ por uns auscultadores deste tipo sabendo que por este montante tenho acesso a outras escolhas dedicadas unicamente ao gaming, mas é importante não esquecer que o foco destes auscultadores não é o jogo mas sim Life&Style e mesmo assim conseguem uma performance tão boa ou superior a modelos de gaming nesta gama de preços . Mesmo falhando em alguns pontos cmais específicos como um microfone uni-direcional, um controlo de volume ou um isolamento de som melhor, não trocava o conforto prolongado proporcionado pelos Flux por um microfone dedicado ou um melhor isolamento de som (com o volume que estes conseguem atingir preocupa-me mais o volume do som que estou a ouvir que o ruído ambiente).

selo 9_7

O Bom:

  • Qualidade de som surpreendente
  • Conforto
  • Qualidade de construção
  • 2 tipos de cabos
  • Portabilidade
  • Personalização
  • Ligação em cadeia e em ambos os lados

O Mau:

  • Microfone
  • Não possui controlo de volume

Agradeço à SteelSeries pelo modelo partilhado.


Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos