Home Jogos Slender: The Arrival

Introdução

Slender: The Arrival, é um jogo indie produzido e publicado pela Blue Isle Studios, sendo uma sequela do conhecido Slender: The Eight Pages, jogo grátis lançado em Junho de 2012.

Slender_logo

Este novo título, apesar de estar disponível para venda antes disso, só foi lançado a 28 de Outubro de 2013 na plataforma Steam, sendo um jogo mais dotado tecnicamente que o anterior, com mais tempo de jogo e também com bastante mais conteúdo. Apenas está disponível em Windows e OSX, mas está agendado o lançamento para Xbox360 e PS3, durante o primeiro trimestre deste ano.

Esta análise surge ao corrente da nova temática que vai começar a ser abordada aqui no Lilireviews, onde vamos fazer diversas reviews aos jogos mais recentes. Por isso, a partir de agora todos os leitores têm mais uma razão para visitar o site.

História

A história deste jogo não é complexa, mas nem por isso deixa de ser interessante de seguir. Neste título, vestimos a pele de Lauren, que vai tentar desvendar o misterioso desaparecimento de sua amiga, Kate. Tudo começa em casa de Kate, quando Lauren a encontra vazia, num silêncio absoluto.

Slender_1

Lauren depressa fica a saber que algo de assustador se passou, quando encontra pela casa desenhos estranhos pintados nas paredes e também em papel de Slender Man. Cabe a Lauren refletir, encontrar o maior número de pistas possível e enfrentar a escura floresta em busca de Kate.

Slender_2

Muitos sustos, muita adrenalina e muita corrida vão testar a coragem e o discernimento de Lauren, em alturas de stress. A floresta é escura, silenciosa e esconde vários perigos, principalmente o Slender Man que está sempre à espreita.

Jogabilidade

A mecânica do jogo é simples, somos munidos de uma lanterna e nada mais. Aqui, só podemos contar com a nossa inteligência, destreza e em caso de nada dar certo, fugir pela vida. Mas, não contem fazer sprints a cada minuto, pois tal como na vida real, aqui a personagem também se cansa.

Ao longo de todo o jogo apenas temos a perspectiva de primeira pessoa, daí que, não há muito a dizer sobre a naturalidade dos movimentos, basicamente é movimentar com o rato. De salientar que, o Oculus Rift é oficialmente suportado, basta terem o vosso jogo atualizado.

Slender_3

A premissa é, com a ajuda da lanterna, descobrir o nosso caminho pela densa floresta, ao mesmo tempo que tentamos encontrar pistas (papeis escritos com várias informações) sobre o que poderá ter acontecido a Kate e também ao seu amigo de infância C.R, que foi para a floresta antes de Lauren.

Mas, não será apenas isso, terão outros desafios pela frente, tais como encontrar chaves, ligar geradores e claro está, tentar esquivar ao máximo das garras do Slender Man. Existirão alturas, que só vão querer que ele simplesmente desapareça, tal o desassossego que provoca na nossa mente.

Grafismo

A nível gráfico, o jogo é bastante limitado. Não que tenha um grafismo de uma década atrás, mas é evidente a diferença para outros jogos de terror, como por exemplo o Outlast, que saiu igualmente no ano transato.

Slender_5

Contudo, diferentes níveis de personalização das texturas são possíveis, desde o Low até ao High, acrescentar Anti-Aliasing e afins. O jogo na qualidade máxima fica incomparavelmente mais bonito do que nos detalhes mínimos, mas também a exigência para o sistema é maior.

Slender_4

No geral, não deslumbra neste quesito, mas cumpre perfeitamente, até porque, o porta estandarte deste jogo não é o grafismo, mas sim, a imersão que pretende e consegue transmitir a quem o joga.

Performance

O sistema que foi usado para correr o jogo era composto por um processador Intel Core i5 2500K a 4.5Ghz, placa gráfica AMD HD7970 e 8GB de memória Ram a 2133Mhz. Mesmo assim, a performance na qualidade máxima a 1080p limitava-se a 60fps~65fps. Face ao nível gráfico apresentado, torna-se evidente que há uma optimização menos cuidada do motor, mas não é nada que espante, devido aos recursos reduzidos que estas pequenas produtoras têm face às grandes companhias.

Slender_6

Um sistema de média gama, não terá dificuldade em rodar confortavelmente o jogo, mesmo que para isso tenha de diminuir um ou outro efeito gráfico, de modo a manter os psicológicos 60 frames por segundo. Para os menos exigentes, pode-se então dizer que qualquer PC mediano relativamente recente servirá, e com isto leia-se, componentes com 2 ou 3 anos, sem comprometer em demasia a fluidez.

Conclusão

Resta então dizer que, apesar de a optimização ter ainda um bom caminho para percorrer, estamos perante um jogo bem conseguido, com um ambiente intenso, que mergulha o jogador numa experiência aterrorizante. Os mais impressionáveis vão saltar da cadeira, vão suster a respiração e vão desejar sair do jogo durante alguns instantes para recuperar o fôlego. Mesmo os chamados homens de barba rija não vão ficar indiferentes, e no final vão ficar a pensar que afinal a barba não é tão rija assim.

Existem várias dificuldades para escolher e o tempo de jogo vai depender delas. Quanto mais baixa a dificuldade, mais rápido se terminará, mas também menos se tirará partido de tudo o que o jogo tem para oferecer. Daí que, no mínimo é aconselhável jogar no modo Normal.

Slender_7

Este título é curto, sendo possível completar toda a história com relativa calma em menos de 2 horas (no final têm acesso às estatísticas). É organizado em seis capítulos e o progresso é apenas salvo no final de cada um, por isso, tenham cuidado nas vossas pisadas, se morrerem a meio de um capítulo têm de voltar ao inicio do mesmo. No entanto, na versão Steam têm 23 proezas para conquistar, o que pode aumentar bastante o tempo útil de jogo, além de que, os produtores colocam em todos os novos patchs segredos para encontrar.

Em suma, Slender: The Arrival é bem elaborado, tem uma fantástica atmosfera e é a prova de que um jogo interessante não precisa de ser muito complexo. Este Slender usa formas básicas de assustar, mas que por qualquer razão resultam sempre.

Caso estejam interessados em experimentar, podem adquirir o jogo via Steam por 8.99€.

Quem preferir, pode comprar por 4.40€ através do nosso link na G2A.COM.

Artigos relacionados

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos