Home Hardware Caixas Review Corsair 380T

Pontuação
Qualidade - 9
Aspeto - 10
Espaço interno - 8
Ventilação - 9

A Corsair é uma marca norte-americana de confiança já consolidada bastante conhecida tanto no que toca a periféricos como a hardware.
Hoje trazemos para review a Corsair 380T, um poderoso “submarino” com um desenho bastante apelativo e ideal para os que gostam de fazer LANs em casa dos amigos.
corsair

Especificações
Garantia 2 anos
Peso 5.6kg
Dimensões 356mm (A) x 292mm (L) x 393mm (C)
Cores Preto, Branco e Amarelo
Motherboards Suportadas Mini-ITX
Slots de Expansão 2
Ventoinhas incluídas Frontal: 140mm, Traseira: 120mm
Conexões externas (x2) USB3.0, Fan Controller, Headphone port, Microphone port
Coolers líquidos da Corsair compatíveis H55, H60, H75, H100i
Altura máxima do cooler 150mm
Comprimento máximo da placa gráfica 290mm
Fonte de alimentação ATX até 180mm
Preço ~135€

Embalagem e conteúdo

A caixa da Corsair 380T de apelativa não tem grande coisa. Contudo, o que falta em cores é compensado com informação.
corsair
Na parte frontal podemos observar uma representação monocromática com uma breve descrição escrita em inglês e em francês. Atrás encontramos informação mais detalhada sobre as partes desmontáveis da caixa e um breve esquema das várias partes do nosso submarino. Aqui a informação encontra-se disponibilizada em seis línguas diferentes. As características estão disponíveis na parte lateral da caixa e também estas estão escritas em seis línguas.
corsair
No interior, a 380T vem acompanhada do manual de instruções e de uma caixinha com 4 zipties para ajudar na arrumação do cabos e um total de 40 parafusos (para a ventoinha, para os SSDs e para os HDDs).
corsair
Para quem quiser ver o unboxing:

Considerações do Exterior

A Corsair 380T é uma caixa de pequenas dimensões, feita a pensar naqueles gostam de transportar o seu computador regularmente mas querem um melhor desempenho do que o encontrado num portátil. Esta edição está disponível nas cores preta, preta-branca e preta-amarela.
O design é sem dúvida o que mais cativa a primeira vista nesta caixa! Com o formato de um “submarino”, a Corsair esmerou-se por fazer algo que agrade aos olhos visto que tem tudo o que é necessário no sítio certo bem à vista mas ao mesmo tempo bem discreto quando a olhamos como um todo. O símbolo da Corsair está mais resguardado no fundo da parte frontal.
Com 33,6cm de altura, 29,2cm de largura e 39,3cm de comprimento, toda ela é feita em metal com alguns pormenores em plástico o que a tornam ao mesmo tempo resistente e não muito pesada (ronda os 5kg e meio). Mais uma vez, é ideal para transporte.
corsair
Algo impossível de escapar à vista é a ventilação desta pequena caixa que a rodeia por completo e à frente encontra-se a saída de ar com um filtro muito facilmente removível para se proceder à sua limpeza. Na parte superior podemos encontrar 2 portas USB3.0, as entradas microfones e colunas/auscultadores, um botão de START/STOP como os encontrados nos carros modernos, um botão de reset e ainda um controlador da velocidade das ventoinhas que dispõe de três velocidades e pode controlar até 3 ventoinhas. O grip no topo é feito de borracha para aderir melhor à mão.
As partes laterais não fogem à regra e contribuem significativamente para a circulação de ar no interior, porém, sem ventoinhas laterais o que liberta espaço para a colocação de um cooler a água num dos lados e de uma placa gráfica no outro. Os painéis laterais podem ser facilmente colocados e removidos através de um sistema de encaixe muito intuitivo o que torna extremamente simples o acesso ao seu interior sem nos preocuparmos com parafusos. Através dos muitos poros da caixa e das janelas superiores das portas laterais, é relativamente fácil observar o seu interior sem a abrir. Estas janelas são de plástico acrílico.
corsair
A parte traseira da 380T tem a zona habitual para o espelho da motherboard, colocado na horizontal, 2 slots de expansão e a zona de instalação da fonte de alimentação na parte inferior da caixa, que pode ser retirada com a fonte para facilitar a sua instalação. A caixa tem ainda pés em borracha e o filtro da fonte de alimentação facilmente acessível.

Considerações do interior

Tendo sido desenhada a pensar em portabilidade, naturalmente não podemos esperar um T3 muito espaçoso no seu interior. Contudo não ficarão desiludidos com o T1 muito bem organizado que a Corsair 380T nos apresenta.
A caixa é compatível apenas como Mini-ITX e encontram-se disponível dois slots de expansão (convém lembrar que uma gráfica de bom desempenho nos dias de hoje utiliza esses dois slots). Temos espaço para colocar dois discos SSD (ou dois HDD de dimensões reduzidas) e outros dois discos HDD. Não está disponível nenhum slot para drivers.
corsair
Em termos de refrigeração, a Corsair 380T vem com duas ventoinhas instaladas, uma frontal de 140mm e uma traseira de 120mm, e a frontal vem com um filtro. Os interessados em montar um cooler terão de ter em atenção as especificações de altura máxima (referida na tabela acima).
Temos ainda um botão interno que serve para ligar e desligar uma luz interna e a luz da ventoinha. Entre a fonte de alimentação e a parede lateral é possível organizar bem os fios internos.

corsair

Montagem

No geral, a montagem da Corsair 380T mostrou-se relativamente fácil. A instalação da motherboard não tem nenhuma consideração especial e o processo de montagem deve ser iniciado por ela. Na instalação da fonte de alimentação, é aconselhável retirar os slots dos discos de 3.5′ de modo a facilitar o trabalho. Tanto os discos 2.5′ como os de 3.5′ são de uma montagem muito fácil.
corsair
A fonte de alimentação é montada com a ventoinha para baixo. A montagem de um sistema de refrigeração a água pode ser realizada na porta lateral e é também bastante intuitiva. O espaço para arrumação de cabos não é muito elevado, contudo é suficiente para esconder a sua desarrumação.
corsair
A instalação dos discos de 2.5′ utiliza um sistema de encaixe tal como os de 3.5′. No entanto, nestes últimos temos mais liberdade pois os slots podem ser retirados para a montagem ser feita fora da caixa.

corsair

Considerações finais

A Corsair resolveu apostar num estilo único e bastante original com a caixa 380T e o resultado foi bastante positivo. A nível visual, temos algo revolucionário no mercado, com cores para todos os gostos e saliento o botão de START/STOP ao estilo dos carros modernos. Conseguimos ter tudo o que é necessário para o bom funcionamento da caixa e tudo colocado no sítio certo de maneira a termos uma das caixas mais apelativas do mercado.
Olhando também para a caixa a nível das suas capacidades, salienta-se a sua robustez mas principalmente a facilidade da sua utilização e transporte, bem como na montagem onde até uma pessoa com pouca experiência na área era capaz de montar um computador e fazer a sua manutenção sem grandes dificuldades. O caso mais óbvio é o quão fácil é limpar os filtros de ar.
corsair
Apesar de não ter grandes dimensões e ser perfeita para o transporte, a Corsair 380T pode ser considerada “grande” tendo em conta que usa a segunda motherboard mais pequena do mercado (Mini-ITX). A qualidade naturalmente tem o seu custo e, muito embora tenha vários pontos muitos positivos, a Corsair 380T não é para qualquer bolso com o seu preço a rondar os 135€.

selo-9_0

Pontos fortes

  • Filtros incluídos e de muito fácil remoção
  • Muita circulação de ar
  • Iluminação tanto interna como na ventoinha frontal
  • Fácil transporte
  • Grip com irregularidades em borracha que proporciona uma melhor aderência à mão

Pontos fracos

  • Não traz parafusos suplentes para a motherboard
  • Apenas compatível com Mini-ITX
  • Preço elevado

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos