Home Notícias Intel a poupar na pasta térmica dos Ivy Bridge?

Os muito aguardados processadores Ivy Bridge chegaram, mas o entusiasmo foi de pouca dura, quando os primeiros resultados das temperaturas começaram a sair. Como podem ver na review do Core i7 3770K, o CPU aquece excessivamente, quando em comparação com os Sandy Bridge.

Sendo fabricados em 22nm, além do menor consumo, toda a gente também previa menores temperaturas, mas tal não aconteceu, apresentando temperaturas elevadas mesmo a velocidades de origem.

O site japonês Impress PC Watch, removeu o Heat Spreader do processador e substituiu a pasta térmica que faz o contacto entre os núcleos do CPU ao Heat Spreader e os resultados foram surpreendentes.

Como se pode ver, com o i7 3770K a 4.6Ghz, as tempearaturas desceram no mínimo 15º com o CPU em carga, e usando uma das melhores pastas térmicas do mercado, a Liquid Pro, a descida foi ainda mais significativa, com 20º a menos.

Será que a Intel anda a cortar na qualidade de alguns materiais? De qualquer maneira, poupança intencional ou não, parece que as temperaturas altas são de fácil resolução, basta a Intel querer.

Fonte » http://pc.watch.impress.co.jp/ / http://vr-zone.com/

0 Comentários a este artigo

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos