Home Hardware Gigabyte EX58-UD4

Introdução

Com a chegada dos Intel Core i7 e o chipset x58, o único disponível até a data para o socket LGA1366. O chipset X58 foi pensado para ser um chipset de topo, logo os preços tem sido elevados. Felizmente os fabricantes de motherboards tem lançado vários modelos, a cobrir todo o segmento desde os 200 até perto dos 500 €. Inicialmente a oferta foi reduzida e sempre segmento acima dos 300-350 €, mas o panorama mudou um pouco e já encontra-se no mercado boards na casa dos 200 €, segmento na qual esta gigabyte UD4 se enquadra.

gigabyteex58ud4_01

A principal característica que a Gigabyte apregoa nas suas boards de topo mais recentes é a tecnologia Ultra Durable 3, que consistem em inovações tecnológicas para melhorar a durabilidade e overclock, que passo a destacar.

* PCB com 2 camadas (ground e power) de cobre de 2 OZ (Ounce) de espessura em vez dos tradicionais 1 OZ. Isso resulta em melhor dissipação de calor, PCB mais resistente, melhor durabilidade, melhor overclock, melhoria na eficiência energética, por ter maior impedância (mais cobre = mais capacidade de corrente).
* Condensadores sólidos japoneses de alta qualidade, garantindo 50000 horas, bem superior aos tradicionais condensadores.
* Dupla BIOS. Uma principal e uma de backup. A BIOS de backup restaura a principal em caso de falha (por exemplo, ao fazer update da bios e falha a corrente eléctrica e fica corrupta).

Estas características todas podem resultar numa motherboard mais resistente e durável. É bom que os fabricantes apostem na qualidade, não só o utilizador final tem menos problemas e material mais durável, como do próprio lado do fabricante resulta em menor número de RMA’s, que no caso da BIOS deve ser das principais causas de RMA.

Specs da motherboard:
CPUs suportados: Intel core i7 LGA 1366
North Bridge: Intel X58 Express Chipset
South Bridge: Intel ICH10R
QPI: 4.8GT/s / 6.4GT/s
Memória: 6 slots DDR3, suportando tri-channel (192 bits), até 24 gigabytes.
Audio: Realtek ALC888 codec 7.1, com saída SPDIF digital
LAN: Realtek 8111D chips (10/100/1000 Mbit) (uma porta)
expansão: 2x PCI-e 2.0 x16 @ 16x + 1x PCI-e 4x + 1x PCI-e 1x + 3 PCI
PCI: 3 PCI slots
Armazenamento: 6 portas SATA 2 via ICH10R, suportando RAID 0,1,5 e 10 mais 2 portas SATA2 e IDE via controlador gigabyte mais floppy disk
Firewire: 2 portas no painel traseiro (uma mini e uma normal) e um header interno suportado pelo chip T.I. TSB43AB23
USB: 12 portas USB 2.0 suportado pelo ich10r, sendo 8 no painel traseiro e 2 headers internos, suportando mais 4 portas extras.
BIOS: 2 bios de 8 megabits, sendo uma a funcionar como backup da outra em caso de “acidente”.
Dimensões: ATX Form Factor; 30.5cm x 24.4cm

Páginas: 1 2 3 4 5 6

0 Comentários a este artigo
  1. @Cangas para mim, eu não exigia muito da board, apenas uma boa e que de para jogos, eu nao sou muito amante de tar sempre a jogar jogos novos mas uma que aguentasse bem já é bom 😉

  2. pois, eu também não gosto muito de estar sempre mudar de jogos ..
    Só o cs chega, mas gostava mais se tivesse este rato para jogar, é que o meu é uma porcaria .. :X

    estou no inicio do vicio, mas j gosto mesmo muito disto ..
    e acho que estou a aprender bastante neste site ..

  3. Claro que sim! Mas se experimentares ler os artigos de uma ponta à outra em vez de leres só a primeira página, acredita que vais aprender muito mais!

Outros Artigos