Home Periféricos Gigabyte Aivia K8100

Introdução

O Aivia K8100 é o novo produto de excelência no vasto portefólio da Gigabyte que está a agitar as águas do nosso pequeno mercado. Depois de já nos ter impressionado com sua capacidade de inovação em motherboards, desempenho óptimo em placas gráficas, chega agora a vez de começarmos a olhar com atenção para as soluções de periféricos. Para estreia temos o primeiro teclado da gama Aivia que de uma forma um pouco mais longa significa “Advanced, Intuitive, and Versatile Interface Archetype”.

Está ainda em aberto a possibilidade de até ser fabricado com layout em PT-PT a partir do Q2, 2011 e o impacto deste artigo será tido em conta, como aliás acontece em todos os artigos que lançamos, devido às relações próximas que vamos desenvolvendo com as várias marcas mas em particular com a Gigabyte.

gigabyte aivia k8100

O mercado dos jogos electrónicos é muito competitivo e, literalmente, anda meio mundo a tentar matar o outro meio. Como alguns dos títulos mais conhecidos e que são jogados massivamente em modo multiplayer todos os jogadores conseguem o mesmo nível de fps, a diferença está muitas vezes entre o jogador e o monitor… Exacto! Nos periféricos!

Teclados desenvolvidos especificamente para jogos há muitos, cada um com as suas particularidades e características. Para este modelo Gigabyte tem algumas cores disponíveis, vamos conhecer melhor o Aivia K8100 em preto para saber se é a resposta certa às nossas exigências!

Especificações
gigabyte aivia k8100

Embalagem e Conteúdo

A embalagem do Aivia K8100 é gigante, imponente. Tudo bem que ainda há quem considere que um teclado é apenas um teclado mas depois de ver isto, algumas mentes vão mudar.

Gigabyte Aivia K8100

Se o tamanho não chegasse, um caixote com fundo preto e letras bem grandes salta à vista. Em redor das letras Aivia aparecem umas imagens relacionadas com guerra, uns tanques e algumas armas, coisa que dá logo vontade de provocar alguma destruição.

Antes disso ainda é bom dar uma vista de olhos na outra face da embalagem, com alguns efeitos holográficos, onde tem informação sobre as características chave do teclado e a Gigabyte aproveita para dar um ar do seu marketing.

Gigabyte Aivia K8100

Ao abrir a caixa, percebemos que afinal as dimensões da caixa têm razão de ser, este teclado é bastante grande. Ao fundo encontramos as teclas A, S, W, D com superfície em borracha e a ferramenta para remover as teclas.

gigabyte aivia k8100

A acompanhar este teclado, a Gigabyte inclui um CD com software, drivers e também a versão pdf do manual de instruções. Fica uma foto de família!

gigabyte aivia k8100

Fiz também um pequeno vídeo com o unboxing e também com uma vista geral sobre o teclado mas aconselho a continuar a ler a review após ver o vídeo porque há muito mais para conhecer e ver com maior detalhe.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=RURwuj_qGIc]

Em Detalhe

O primeiro ponto que se deve mencionar no Aivia K8100, é o seu tamanho! Definitivamente é um teclado bastante grande e é capaz de criar algumas complicações em secretárias com espaço mais reduzido mas onde houver espaço… Fica muito bem! As linhas do teclado fazem lembrar de alguma forma o ar desportivo e agressivo dos lamborghini e essa relação se calhar é um dos segredos para esta paixão pela teclado.

Gigabyte Aivia K8100

Grande parte desse tamanho é devido ao apoio para os pulsos que é bastante longo para tornar a utilização o mais confortável possível. A Gigabyte oferece ainda a possibilidade de desmontar completamente este apoio. Assim o teclado já fica com um aspecto mais próximo do tradicional perdendo toda a identidade que aquelas curvas e ângulos lhe conferem. Além disso o teclado deixa de ser confortável para utilização prolongada. Onde é que está o Aivia? Ainda agora estava aqui…

gigabyte aivia k8100

A Gigabyte incluiu uma capa em silicone bastante flexível e útil! Por um lado serve para proteger o teclado contra todo o tipo de sujidade e também é resistente à água. No entanto com a capa no sítio perde-se alguma sensibilidade ao teclar e por esse motivo grande maioria dos jogadores vão preferir não utilizar. Por outro lado esta capa torna o teclado um pouco mais silencioso e há situações em que pode dar jeito. Assim de repente lembro-me de estar a fazer um exame e o professor estar literalmente a encher o teclado… Uma capinha destas dava-lhe jeito e nós alunos agradecíamos o silêncio!

Gigabyte Aivia K8100

O layout deste sample é US e todos queremos ver o teclado com layout PT-PT mas enquanto isso não é possível vamos dar uma olhada nas teclas e ver como se portam.

Gigabyte Aivia K8100

Uma das características que a Gigabyte destaca no K8100 é o facto de ter conjuntos de teclas que são activadas com diferente pressão, de acordo com a sua posição no teclado. Apesar de para jogar ser uma característica interessante para quando estamos a jogar, para escrever textos longos faz alguma diferença… Pelo menos nos primeiros dias.

gigabyte aivia k8100

Apesar de não ser um teclado mecânico, estas teclas têm uma resposta bastante boa e precisa. Para jogos não ninguém gosta de teclas tipo portátil e altas demais também não é recomendado porque atrasam a nossa reacção. O espaço de viagem neste teclado é cerca de 3,5mm. Para jogar prefiro utilizar as teclas A, S, W, D com superfície em borracha, nunca tinha experimentado e têm um toque bem interessante. São ligeiramente mais claras do que as restantes teclas.

gigabyte aivia k8100

O teclado é retro-iluminado com LEDs vermelhos, luminosidade uniforme ao longo de todas as teclas e é possível desligar. Não há outras cores disponíveis mas era um extra bem-vindo!

gigabyte aivia k8100

Mas este teclado não nos traz só as teclas habituais! No canto superior esquerdo tem o botão Modo que oferece 5 modos diferentes identificados por cor. Ali por perto aparecem as teclas de Macro que, pelo menos para FPS, não estão lá muito bem colocadas para utilizar em situações rápidas.  Para outro tipo de jogos mais calmos e para transformar o teclado num teclado com atalhos multimédia, estão bem posicionados. Com esta combinação o Aivia K8100 permite até mais 25 funções (5 modos com 5 teclas macro cada)!

Gigabyte Aivia K8100

Muito interessante e apelativo é também a escala de volume que está na parte superior do teclado. Esta escala é touch e permite aumentar, diminuir e fazer mute. Ao percorrer a escala acendem LEDs no canto superior direito do teclado a indicar em que posição estamos. Pressionando numa ou noutra extremidade o som vai diminuindo ou aumentado, consoante o lado onde temos o dedo. Funciona muito bem!

gigabyte aivia k8100

gigabyte aivia k8100gigabyte aivia k8100gigabyte aivia k8100

Por baixo temos os habituais indicadores de estado das teclas Caps Lock, Num Lock e Scroll Lock. Quando activas, estes indicadores aparecem iluminados com LED laranja. A Gigabyte incluiu um botão chamado Win Lock que bloqueia as teclas iniciar, muito útil para não sairmos acidentalmente para o ambiente de trabalho as meio do jogo. No entanto, o estado dessa tecla não aparece nos indicadores e não dá para saber se está activa ou não.

Gigabyte Aivia K8100

Mais resguardado da vista, o Aivia K8100 inclui uma porta USB 2.0 de cada lado, dá sempre jeito para ligar alguns dispositivos de armazenamento ou outros e para quem não tem HUBs esta é uma forma de ter conectividade sempre à mão!

Gigabyte Aivia K8100Gigabyte Aivia K8100

Para ligar e desligar a retro-iluminação das teclas há um botão na parte de trás do teclado, para o lado direito. É bastante fácil chegar lá no caso de já estarmos cansados da luz ou se precisarmos dela.

Gigabyte Aivia K8100

Na parte de baixo do Aivia K8100 podemos ver os pés do teclado, que permitem apenas duas posições diferentes. Com pés levantados, sinto que o teclado é mais confortável. Aqui também podemos ver o que é preciso desapertar para remover o apoio dos pulsos.

gigabyte aivia k8100Gigabyte Aivia K8100

Destaque também para o cabo USB, por um lado por ser sleevado e por ser mesmo bastante robusto e por outro porque pode sair do teclado por direcções diferentes, consoante a preferência do utilizador. Já agora o cabo tem cerca de 2 metros e o conector é banhado a ouro para reduzir a latência de resposta.

gigabyte aivia k8100

Sobre a iluminação e a sua utilização em jogos também fiz dois pequenos vídeos.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=hK7cuZ4iytc]
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=WrAgB6h2Qfc]

Através do Keyboard test software, conclui que, de facto, é possível carregar no máximo em 14 teclas ao mesmo tempo! Para uma pessoa que só tenha 5 dedos numa mão dá muito jeito… Mas definitivamente o anti-ghosting funciona!

Software

O Ghost Engine é o software que acompanha o K8100 mas que também serve para controlar outros dispositivos com o motor Ghost, como ratos que a Gigabyte já lançou há algum tempo.

Entender este pequeno programa é muito fácil e o processo de gravação de macros é mesmo muito intuitivo, é pena que a Gigabyte continue a utilizar este aspecto no software em vez de apostar num aspecto mais simples e profissional.

Na primeira janela temos do lado direito algumas funções básicas que podemos utilizar como Macro. Por cima dessa lista, temos a indicação do Modo em que nos encontramos e também da memória disponível. Ao centro temos o mapa das Macros associadas a cada botão em cada Modo. Do lado direito aparece a lista de Scripts gravados por nós, através do Macro Editor.

gigabyte aivia k8100

O Macro Editor é onde gravamos as nossas próprias Macros, podem ser de acção de teclado ou rato e teclado. É possível personalizar muito a Macro, por exemplo, podemos definir se deve ser repetida ou se executamos apenas uma vez, o atraso em ms entre cada acção dentro da macro e também se a posição do rato interessa.

gigabyte aivia k8100

Do lado direito temos nova lista de funções básicas que podemos adicionar às nossas Macros mas o importante é o botão verde, Record, para gravar as nossas Macros. Podemos utilizar a tecla Pause Break para terminar a gravação ou através do botão no Ghost Engine. Todas as acções ficam gravadas e depois é só arrastar para a lista de scripts. Aqui podemos ainda alterar o ícone relativo a cada macro para identificar facilmente. Podemos gravar até 100 scripts diferentes e de volta à janela inicial, podemos arrastar 25 para os botões disponíveis.

gigabyte aivia k8100gigabyte aivia k8100

Fiz um pequeno vídeo com a gravação de Macro. Agora é só deixarem a imaginação voar (eu sei que não tenho muita…) e colocarem as vossas acções à distância de um clique.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=_Wy0auJnp1Q]

Conclusão

O Gigabyte Aivia K8100 é um teclado excelente! Construído de raiz para um público-alvo muito exigente, o K8100 é o primeiro teclado gaming da Gigabyte e mostrou-se capaz de responder da melhor forma a todas as solicitações. Ultimamente a Gigabyte tem lançado produtos especificamente para os jogadores mais entendidos, seja a nível de ratos e teclados mas também motherboards e placas gráficas.

Gigabyte Aivia K8100

Além de ser óptimo para jogar, este teclado tem um aspecto incrível e é difícil não gostar. No entanto, devido a algumas características implementadas para melhorar a experiência de jogo, como por exemplo diferente força elástica nas teclas, o Aivia K8100 pode afastar alguns interessados que o tentem afastar da zona de conforto para utilização em tarefas dia-a-dia. Mas eu sei que por aqui há mais jogadores e entusiastas do que propriamente escritores e poetas!

A qualidade geral de construção é muito boa, muito confortável, as teclas não fazem muito barulho e embora não seja concorrência directa para teclados mecânicos carregados de características exclusivas apresentados por outras marcas, o K8100 é uma aposta segura e para a gama de preço em que se encontra, é o topo!

Esta é a versão mais sóbria do teclado mas também existe em Vermelho e Amarelo, ideal para os ainda mais excêntricos.

gigabyte aivia k8100

O software é bom e intuitivo e dá um grande nível de controlo sobre o teclado. No entanto ainda há margem para melhorar, especialmente no aspecto e velocidade.

Fica o agradecimento à Gigabyte por ter cedido este sample para review! Aos leitores pede-se que mostrem o vosso interesse no teclado e não deixem ninguém descansar enquanto não houver layout PT-PT porque eu também quero comprar um! Mostrem o vosso interesse junto das lojas, nos respectivos forums e aqui!

0 Comentários a este artigo
  1. Definitivamente uma review pela qual já esperava. Sem dúvida alguma que a gigabyte conseguiu o primeiro prémio no que diz respeito à qualidade/preço neste produto.
    Parabéns pela review, sempre detalhada e esclarecedora.
    Quando houver layout PT-PT compro um em vermelho e colo-lhe um autocolante da ferrari

  2. LINDO !

    bom trabalho marco continua. se souber de alguma possibilidade de sair o tal branco que disse no forum vem uma ca para casa e LAYOUT PT-PT era o melhor =D

  3. muito muito bom… finalmente chegou a review! ando a babar-me intensamente por este teclado mas só estou à espera que a Gigabyte se lembre que existe também mercado em Portugal. Como já deu para ver há pelo menos 4 interessados neste teclado mas com layout PT-PT o que é razão suficiente para a Gigabyte fazer edições especiais com o símbolo da Lilireviews.com incorporado… 😉

  4. Xefe, grande review sem duvida, tas sempre a evoluir na elaboraçao destas. De 0-10 dou nota 9 (perdes um ponto devido a jogares mal xD) agora fora de brincadeiras e em poucas palavras! teclado e review brutais! abraço!

  5. Já tinha lido a review deste teclado no guru3d e pareceu-me o sucessor ao meu logitech wave (muito bom tmb).

    Dou valor a acabamentos e a funcionalidades mas tenho de admitir que os teclados gaming por parte da razer são ridículos construção duvidosa a meu ver feeling de teclados de portatil e muito espalhafatosos .

    Este por outro lado agrada-me com um meio termo de altura nas teclas semelhante aos teclados para gaming da logitech.

    Agora fico curioso o porque de adicionarem supostamente nas teclas wasd uma rsistência maior(pelo que percebi) não deveria ser o oposto? Assim seriam mais sensíveis ao toque. Outra coisa que me passa pela cabeça é como será escrever neste teclado já que temos zonas com supostas resistências diferentes.

    Achei a review simples e boa , os vídeos ajudam sempre um bocado , nem que seja para ver o péssimo jogador que és no bc2 xD (kidding).

    Outra coisa que gostei foi do preço , teclados da razer com teclados com esta funcionalidade metem um price tag de 100 euros nos teclados deles , a gigabyte faz por metade e ainda bem .

    Continuação.

  6. As teclas em que carregas mais vezes e com mais força enquanto estás a jogar têm maior resistência. Depois, tens outras teclas com resistência intermédia e por fim aparecem as teclas que carregas com o dedo mindinho que oferecem menos resistência. No meu caso carrego no CTRL da esquerda com o mindinho… Mas não tive problemas em contrariar a resistência 🙂

    A escrever nota-se alguma diferença. Se é para escrever e não é tanto para jogar eu mantinha o Wave, se ainda estiver em condições…

    O pricetag deste teclado é muito incrível! Fazia-te diferença layout PT-PT?

  7. Secalhar isso das diferentes resistências foi o que f#deu tudo .

    As wasd deveriam ser as mais faceis de pressionar para obter mais rapidez ,mas eles lá sabem.

    O wave tá bom apenas o space as vezes fica meio stuck e sou obrigado a carregar 2 vezes .
    Mas a verdade é que já levou muito abuso 😀 gostava de ver metade desses teclados gaming topo ao fim de 2 anos.

    Eu até o comprava mas isso das resistências estragou tudo.

    Cumps

  8. Obrigado pela informação Marco.

    Uma pequena dúvida, existe alguma diferença entre layout alemão e layout uk?

    Desculpem a minha ignorância. 😀

    • Olá João,

      Sim, existem diferenças e fizeste bem perguntar 🙂

      Layout PT-PT

      Layout UK

      Layout DE

      E já agora o que utilizei na review é layout US!
      Outra coisa, com qualquer dos layouts é possível escrever em PT-PT, bastando para isso configurar as opções regionais no painel de controlo. A tecla fica então com a função que teria num teclado PT-PT mas o desenho na tecla não corresponde. Não sei se confundi ainda mais… Digam-me!

      Mais layouts em http://en.wikipedia.org/wiki/Keyboard_layout

  9. Nice… Onde se pode arranjar um desses? (sorry o of topic)

    Também era moçe para comprar um teclado com layout pt-pt para substituir o velhinho logitech que tenho cá em casa, pois como o user Alex acima disse, razer (ou steelseries) a 100€ ou mais não me convence.

    Cumps 😉

    • MilOk, eu tenho feito pressão com o que posso. Mas as lojas não ajudam…

      Dentro de dias vamos lançar a review do rato Aivia, pode ser que desperte novo interesse na série Aivia entre os portugueses e que voltem à carga no teclado! Eu também queria um em PT-PT

  10. Boas malta, Alguem me sabe dixer onde posso encontrar este teclado numa loja em Portugal com Layout pt-pt??? Estou bastante interessado nele…

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos