Home Hardware Fontes de Alimentação Enermax Modu82+ 525W


Teste de performance, ruído e temperatura

Sistema de Testes:
Processador: C2D E6400 @ 3200MHz 1.6Vcore
Memórias: GSkilL HK 800MHZ 2.2V
Placa Gráfica: ATi X1950pro stock clocks
Arrefecimento: 5 Ventoinhas a 12V (2 noiseblocker XL1 e duas XL2, sendo a 3º uma thermaltake blue leds).
Gravador/leitor: Plextor PX-760SA
Motherboard: Asus P5W DH Deluxe, Chipset voltage 1.85V.
Disco Rígido: 2x Hitachi 80GB em RAID0

O Lilireviews usa sempre o mesmo método, um multímetro Fluke de alta precisão calibrado e aprovado, uma pinça amperimétrica que permite medir o factor de potência, Amperes, Volts e potência de entrada claro.

Para a medição das temperaturas foi usado um termómetro a laser, e um termómetro normal para medir a temperatura ambiente. A temperatura da fonte, é a temperatura dos dissipadores.

Os métodos de teste foram os seguintes:

Idle: Neste teste, e por ser o primeiro ligou-se o PC e deixou-se aquecer em banho-maria durante cerca de 30minutos para que a fonte chegasse ao seu ponto de temperatura estável.

Full1: Neste teste, as medições foram feitas correndo o 3Dmark06 logo a meio do primeiro teste (Return to proxycon).

Full2: Exactamente o mesmo processo do Full1, à excepção de que no background estavam a correr dois Orthos ao mesmo tempo, um a correr “Large, in-place FFTs – stress some RAM” e outro a correr “Small FFTs – stress CPU”.

Fica aqui então tabela/gráficos dos resultados:

A nível de performance não há muito a dizer, basta ver os gráficos ver que ela não se queixou quando levou com mais carga, apenas uma nota negativa para a regulação da linha dos 12V que esteve 0.3V acima dos 12V supostos, mas nada que influencie visto a fonte não oscilar para cima quando em Full. O PFC manteve-se em valores muito aceitáveis sendo Activo, em média sempre acima dos 0.9. Por mais incrível que pareça a ventoinha nos testes nunca passou dos 490RPM, sendo medidos através de um cabo que se liga à motherboard do tipo molex 3pinos. Este cabo permite apenas a medição e não a regulação.

Rodando a esta rotação tão baixa, e estando a fonte perto de meia carga, nunca foi audível, mesmo encostando o ouvido junto da ventoinha não se consegue ouvir a ventoinha a rodar, nem grande ruído do fluxo do ar.

Provavelmente se a fan rodasse a mais rotação os dissipadores poderiam estar mais frescos, no entanto iria perder-se o silêncio que é um dos grandes argumentos desta fonte, em troca de poucos graus que não vão fazer uma diferença assim tão grande.

De notar que a parte de trás da fonte, ou seja na parte onde se encontra colado o autocolante houve um aumento da temperatura do metal para perto dos 34º, nada de significante, mas fica aqui exposto.
Em suma, uma fonte muito estável, silenciosa e fresca acima de tudo, com o único defeito de não ter a linha dos 12V regulada para mais perto desse valor.

Páginas: 1 2 3 4 5 6

0 Comentários a este artigo
  1. a minha a serio, ja a limpei e tal , mas não vejo solução para fazer menos barulho, parece que vou ter de comprar uma nova ..

    que fonte .o muito boa mesmo ..
    já resolvi o meu problem na minha fonte x)

    tchi que bomba, os meus parabens ao autor, abraços 😀

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos