Home Hardware Corsair Vengeance RED 2133MHz Quad Channel 16GB

Introdução
Já à muito tempo que a Corsair não fazia uma aparição aqui no nosso espaço. Desde que fizemos a análise à Carbide 300R que não tínhamos o prazer de testar um dos seus produtos. Hoje apresento-vos um kit de memória Quad Channel de 16GB (4×4) que deverá fazer parte de um sistema X79 juntamente com os processadores Intel de topo. Começa a ser incontestável a qualidade dos produtos que a Corsair implementa no mercado mas é sempre importante saber se o acréscimo de investimento, neste caso face à versão de 1600MHz, vale realmente a pena e se os testes de performance são conclusivos o suficiente para que esta versão de 2133MHz seja viável e consigamos de facto sentir o aumento de performance face às 1600MHz que são, obviamente, mais baratas.

Embalagem e Conteúdo
As Vengeance RED são distribuídas numa embalagem bastante elaborada. Em cartão, esta embalagem possui uma porta frontal que pode ser aberta de maneira a podermos ver o produto que está no seu interior, tal como acontece em vários produtos gaming (ratos essencialmente). Nessa mesma janela frontal podemos ver uma ilustração das Vengeance montadas numa mnotherboard da Asus e enquanto que no topo podemos ver a capacidade deste kit juntamente com o tipo de memória e o logótipo da marca, no fundo conseguimos obter a informação de que o kit é quad channel e que possui a certificação intel XMP.

Na parte traseira da embalagem, além de algumas informações em várias línguas, também existem duas janelas pelas quais podemos visualizar as especificações das memórias, inscritas nas próprias como já é habitual em hardware deste tipo.

Abrindo a janela podemos então, como já dito anteriormente, ter a noção do produto antes de o retirar da embalagem. Em tons de vermelho e preto, é-nos exibido apenas o modelo de uma forma real enquanto uma ilustração complementar em tamanho real nos dá uma percepção muito boa daquilo com que podemos contar. Para o funcionamento desta janela foi adicionado à embalagem um sistema de velcro de forma a manter a mesma fechada quando necessário.

Depois de aberta a embalagem e de retirado todo o seu interior, verificamos que só os 4 módulos de memória vêm no seu interior e que tudo indica que será fácil a montagem dos mesmos.

Em Detalhe
Memórias bastante robustas com um toque de agressividade derivado à cor e à forma como a marca deixou impresso o modelo, num tipo de letra bastante distinto sobre uma espécie de malha de carbono. Os heat sinks chegam quase à zona de contacto com a motherboard, o que revela uma maior capacidade de dissipação não tendo o problema de serem muito altas, provocando algumas incompatibilidades com CPU coolers.

É sempre difícil falar acerca do aspecto de um kit de memórias mas achamos que as imagens falam por si e, para quem realmente liga ao jogo de cores entre o hardware do seu sistema pode sem dúvida alguma escolher um produto dentro da mesma gama e performance de marcas diferentes tendo em conta a cor do kit.

No entanto, para muitos outros, o que mais importa é a performance e o valor que estão dispostos a pagar pelo desempenho, fiabilidade e estabilidade de umas memórias. Para isso, desenvolvemos vários testes a estas Corsair Vengeance sendo que alguns foram efectuados a 1600MHz, outros a 2133MHz e ainda com OC.

Os testes a 1600MHz podem parecer estranhos, dado que são efectuados a uma frequência inferior à frequência base deste kit mas serve apenas para descobrirmos se a versão 1600MHz deste produto, a nível de relação performance/preço compensa mais do que a que estamos neste momento a testar. Ficam então os testes e as especificações globais das Vengeance RED 2133MHz.

Especificações
– 2133MHz Quad Channel 16GB (4×4)
– CAS suportado: 11-11-11-27
– Voltagem : 1.5V
– Garantia vitalícia

Testes

Sistema utilizado
Processador: Intel Core i7 3960X
Motherboard: Intel DX79SI Extreme Series X79
Gráfica: AMD HD 7850
Fonte de Alimentação: Cooler Master Silent Pro Hybrid 1050W
Memórias: Corsair Vengeance RED 2133MHz Quad Channel 16GB

Como testes, vamos apresentar todos aqueles feitos com 2133MHz e apenas alguns a 1600MHz e com OC de forma a podermos comparar desempenhos entre as várias frequências.

2133MHz

3DMark 11

3DMark Vantage

Cinebench

AIDA 64

Dawn of War

Dirt 3

HandBrake

Lost Planet 2

S.T.A.L.K.E.R.: Call of Pripyat

TrueCrypt

Agora, alguns testes com as Vengeance a 1600MHz:

3DMark 11

3DMark Vantage

AIDA 64

PCMark 7

Para terminar, deixamos também alguns testes com OC (2230MHz) para que possam ver até onde é que estas Vengeance RED conseguem chegar.

3DMark 11

3DMark Vantage

AIDA 64

PCMark 7

Conclusão
As Vengeance da Corsair entraram em força no Quad Channel e, tal como era de esperar, a fiabilidade e competência foram o ponto mais forte do kit que testámos. Relativamente aos testes que lhe foram feitos, a 2133MHz não demonstraram um acréscimo de performance tão grande quanto esperado sendo que, quanto a nós, o kit de 1600MHz é mais do que suficiente e capaz de nos oferecer praticamente tudo o que estes 2133MHz nos oferecem.

No entanto, para quem quiser “algo mais”, o kit que testámos aqui ofereceu resultados bastante melhores em OC e os mais de 2200MHz que conseguimos podem de facto oferecer um boost necessário de performance que não iremos conseguir com um kit de 1600Mhz apenas. De qualquer das formas, para quem está a investir nesta plataforma e ainda não sabe que memórias comprar, aqui está uma mais que excelente opção!

Despeço-me agradecendo à Corsair por nos ter cedido o sample destas RED para análise.

0 Comentários a este artigo

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos