Home Hardware Caixas Corsair Carbide 500R White

Introdução
Tal como sabemos, a Corsair é uma marca produtora de memórias que se tem vindo a expandir para outros patamares exibindo componentes de elevadíssima qualidade tanto a nível de refrigeração, armazenamento, fontes de alimentação, periféricos e, neste caso em particular, caixas! O LILIREVIEWS já teve a oportunidade de analisar um já vasto leque de hardware proveniente da marca mas no que toca a caixas, destaque apenas para a Corsair Graphite 600T que encantou todo o staff e todos os visitantes do espaço LILIREVIEWS no TEDxEdges.

Tendo em conta a Graphite, é esperado que no segmento Mid-Tower a Corsair tenha implementado o mesmo grau de qualidade e nos volte a surpreender com uma caixa inovadora, acessível, de boa refrigeração e de fácil instalação pois tendo em conta o valor desta Carbide, podemos estar certos de que estamos a analisar uma caixa candidata a topo de gama do segmento! Posto isto, vamos então passar ao que interessa apresentando a versão branca da Carbide 500R que já nos conquistou pela diferença. tendo em conta que maior parte das caixas analisadas são pintadas em tons escuros.

Embalagem e Conteúdo
A Carbide vem aconchegada na já habitual caixa em cartão da Corsair que apenas utiliza o preto para delinear a caixa e evidenciar as letras sobre o castanho do cartão. Além da ilustração da caixa em si na parte frontal, podemos ler facilmente o modelo da mesma e várias especificações a letras bastante pequenas.

Na parte lateral temos acesso a mais uma vista do produto ao lado de todas as dimensões do mesmo, para que no acto da compra possamos relaciona-las com o espaço que temos disponível.

Depois de tudo desembalado e a Carbide já fora da embalagem castanha, da base e topo em esferovite e do plástico envolvente que a protegem podemos contemplar o cuidado estético que a Corsair teve no desenvolvimento desta gama, em particular da 500R White.

Juntamente com a Carbide vem uma pequena caixa de acessórios necessários à montagem onde podemos contar com um set de parafusos para segurar a fonte de alimentação, um para segurar a motherboar, um set de parafusos universais para instalar drives e também um set de parafusos compridos para segurar as fans de um possível radiador. Além de tudo isto, podemos contar também com extensores, abraçadeiras e o já habitual manual de instruções da Corsair. Contudo, admitimos ser uma pena a marca já não enviar autocolantes com os produtos mais recentes sendo que tais tinham muita qualidade e conseguiam sempre dar um tom luxuoso a qualquer equipamento.

Em Detalhe
A Carbide 500R White apresenta uma estética extremamente apelativa possuindo linhas muito rectas que a tornam bela para grande parte dos utilizadores. Consegue ser discreta e irreverente ao mesmo tempo e, no caso da versão white, essa irreverência é mais notável sendo o branco uma cor mais dinâmica do que o habitual preto que vemos em praticamente todas as caixas do momento. A Carbide tem vários pormenores de destaque e vamos tentar aqui enunciá-los a todos para que tenham a noção da qualidade do investimento que poderão estar a fazer na compra de uma caixa deste tipo.

Começando pelo topo, mais propriamente pelo painel I/O, a 500R apresenta algo simples mas eficaz, com apenas 2 entradas USB 3.0, 2 entradas jack 3,5, firewire, controlador de fans e LEDs, botão power e restart. No topo do painel, podemos também contar com um pequeno espaço onde podemos pousar o nosso telemóvel enquanto está a carregar, sendo que nos tempos que correm, praticamente todos os telemóveis podem ser carregados por USB.

As laterais da Carbide têm uma saliência que, além de contribuir no design, contribui também para uma arrumação de cabos mais fácil e simples sendo que ganhamos efectivamente mais espaço dentro da caixa.

Na traseira podemos contar com 8 baías amovíveis, 4 buracos forrados a borracha para a possível passagem de tubos de um sistema de refrigeração a água, suporte para uma fan de 120 ou 140mm, espaço para ter-mos o espelho da motherboard e a fonte de alimentação, respectivamente.

Voltando ao topo da caixa, podemos também contar com uma grelha amovível a partir da qual podemos aceder a um radiador que poderá ser montado nessa zona, poupando assim imenso espaço dentro da Carbide e melhorando ainda mais a organização do nosso sistema.

Uma das laterais possui uma fan de 200mm com LEDs brancos que, muito silenciosamente irá refrigerar o nosso sistema juntamente com as duas frontais de 120mm. No fundo, ainda espaço para mais uma possível fan, um filtro que se pode retirar e limpar sempre que necessário e 4 pés de extrema qualidade que de certo não vão permitir que a nossa caixa deslize ou emita ruídos derivados à vibração.

Passando para o interior da Corsair podemos ver que todas as entradas para gestão de cabos são muito bem revestidas a borracha para que nenhum cabo sofra qualquer tipo de dano durante e após a instalação, 6 baías para discos completamente amovíveis sendo que esse espaço poderá ser utilizado para modding ou simplesmente para servir de habitáculo ao excesso de cabos da fonte de alimentação.

Contamos também com 4 portas para drives ópticas ou leitores de cartões.

Como podem ver na foto, retirou-se os carrinhos dos discos por completo e temos acesso a um espaço muito amplo que nos vai permitir uma maior organização e refrigeração, sendo que as duas fans de 120mm estão mesmo em frente a este espaço.

Os carrinhos dos discos funcionam na perfeição, sendo que para SSDs temos de os aparafusar sem os apoios normais dos discos 3,5”. Reforçamos também o facto de nenhuma acessibilidade desta caixa requerer a utilização de uma chave ou de qualquer outro acessório sendo que praticamente tudo pode ser efectuado à mão, fora grandes mudanças no hardware.

A montagem

A montagem de um sistema nesta Corsair Carbide 500R é feita com enorme naturalidade e facilidade pois tudo está alcançável e a vasta quantidade de acessórios permitem também que possamos adaptar todo o nosso material a esta Mid Tower. A possibilidade de esconder o radiador no topo da caixa, assim como as fans associadas ao mesmo é simplesmente fenomenal e é algo que a Corsair manteve do modelo Graphite 600T que tão bons resultados tem dado. No caso da nossa Carbide, o dissipador instalado foi um Corsair H100 que, de forma óbvia, se instalou em “casa” de uma forma irreverente e muito eficaz!

Além disso, os espaços de passagem a cabos são de extrema qualidade e, ao contrário de outros produtos que já analisámos, a protecção em borracha não sai do sítio e pode ser forçada pelos cabos a níveis muito diferentes do que era esperado! É com enorme facilidade que conseguimos, com a Carbide, fazer uma excelente gestão de cabos conseguindo um resultado surpreendente com qualquer tipo de sistema.

Conclusão
A Corsair continua a primar com excelência neste tipo de produtos. A Carbide 500R White é de facto uma das melhores Mid Towers a que já tivemos acesso, destacando-se em quase todos os aspectos importantes. Com um design muito simples e inovador, com uma cor irreverente e dinâmica, bem pensada e estruturada para uma fácil montagem e alteração de hardware e com uma qualidade de refrigeração de topo, deixam a Carbide 500R no grande pódio do segmento!

No lado negativo, tenho apenas a apontar o facto de ser muito difícil introduzir o que quer que seja nas duas portas USB 3.0 do painel I/O que já analisámos. Talvez com o aumento da utilização e com o desgaste das entradas acabem por se dar e se torne mais fácil ligar e desligar dispositivos de armazenamento ou outro tipo de periféricos.

Com grandes produtos vêm grandes preços e a 500R não é excepção. Como já estávamos à espera, a Corsair excedeu-se na qualidade e o preço sofre imenso com isso. Na época que atravessamos, nem sempre a caixa é alvo de grandes investimentos e nem sempre o orçamento estica o suficiente para abraçar todos os bons aspectos que uma boa caixa tem para oferecer. Seria compreensível enunciar os cerca de 115€ como um grande contra neste produto, sendo a Carbide uma Mid Tower mas é também aceitável não o fazer sendo que quem fizer tal investimento vai dar valor a cada cêntimo do investimento pois esta Corsair vale bem a pena!!

Acabo este artigo agradecendo à Corsair por nos ter cedido esta bela musa branca para análise. Espero que tenham gostado e não deixem de nos visitar nesta quadra natalícia.

Um feliz Natal e um excelente ano a todos os que nos acompanham!

0 Comentários a este artigo
  1. Excelente caixa! Adorei as cores, os pormenores, e a qualidade de construção. Por acaso, não considero o preço algo tão exorbitante. Quase que vai de encontro com outras opções semelhantes, como a da Fractal, e sinceramente, esta Corsair está muito bem apetrechada.

    Mais uma vez, parabéns pela review David!

    • Muito obrigado pelo tão rápido feedback Tiago. Esta Corsair também me deslumbrou e é de facto um produto a ter em conta para quem estiver disposto a investir mais de 100€ numa caixa. Bom Natal!

  2. Tá muito nice realmente. Pena que só consiga enfiar um radiador 240 no topo.

    Idealmente, para mim, seria um de 360, mas tirando isso, top notch. 🙂

    • Olá David Resende. Não se pode criticar o facto de só caber um radiador de 240, sendo que é uma caixa Mid Tower!!
      Para quem se quer aventurar com radiadores de proporções superiores, terá de investir numa Full Tower, como é óbvio! 🙂
      Obrigado pelo comentário, Bom Natal

  3. Caixa excelente mesmo! Sem dúvida merece uma das notas mais altas do ano aqui no LILIREVIEWS :mrgreen:

    Só faltou trazer o painel em acrílico para substituir, tal como acontecia na versão branca da Graphite 600T.

    Belo artigo! E bom Natal!

  4. Boa noite 🙂 muito obrigado pela review.

    estou com duvidas se o TR archon ou o Silver arrow cabem nesta caixa com umas vengeance.

    alguém tem este setup? obrigado

  5. Olá Senkipt. Antes de mais, obrigado pela visita.
    Em relação à tua dúvida, não será por impedimento da caixa que não conseguirás compatibilidade entre ambos os dissipadores que referiste e as memórias. As Vengeance são altas e é preciso ter-se algum cuidado na compra do dissipador. Aconselho-o a pesquisar acerca da altura exacta das memórias e compará-la com as medidas do dissipador.

    Obrigado e até já

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos