Home Hardware Caixas Antec Six Hundred V2

Actualmente no mundo informático um computador com uma boa caixa reflecte sempre um pouco do que podemos encontrar dentro da mesma, mas não podemos esquecer que de caixa para caixa podemos encontrar diversos designs, com objectivo de ir ao encontro do gosto do “cliente”, podemos também encontrar uma exposição variada entre caixas e colocação do seu hardware. Sendo assim chegou o tempo da LILIReviews.com fazer mais uma análise a um caixa que se estreou recentemente no mercado, falamos do mais recente produto da Antec, a Antec Six Hundred v2.

Um modelo principalmente focado para todos aqueles utilizadores mais interessados por linhas Gaming. Este produto da Antec é um género de “update” ao primeiro modelo, o Antec Six Hundred, que teria já sido lançado à algum tempo pela marca.

Fique agora a saber um pouco mais sobre a marca Antec:

Antec, Inc. é líder em componentes de alto desempenho e acessórios para jogos, upgrade de PC e para mercados Do-It-Yourself. Fundada em 1986, a Antec é reconhecida como um pioneiro no sector e tem mantido a sua posição como líder no mercado mundial e como fornecedora internacional de eficientes e inovadores produtos. A Antec também obteve grande sucesso no canal de distribuição, atendendo às demandas do sistema de construtores de qualidade, VARs e integradores.

Ao longo deste artigo iremos observar toda a constituição interna e externa da Antec Six Hundred v2, como também a própria embalagem onde vem inserida.

Embalagem e Conteúdo

Comecemos então pela embalagem onde é transportada a Antec Six Hundred v2. A frente da caixa é bastante básica e baseada em duas cores, preto e amarelo. Apresenta um pequeno diagrama, como podemos ver na imagem, onde nos apresenta uma imagem a destacar uma baía hot-swap para discos 2.5″ e com logótipos em cima para que o cliente/utilizador saiba que este produto foi produzido com objectivo de ser silencioso e também um logótipo que destaca a compatibilidade desta caixa com SSD.

Antec Six Hundred V2

Rodemos agora a caixa e observemos a parte traseira da mesma. Aqui temos a parte de trás da embalagem, podemos observar diversas especificações desta caixa Antec em 6 línguas.

Antec Six Hundred V2

Disponibilizo agora algumas das características na mesma contidas:

Em geral a embalagem que envolve a Antec Six Hundred v2 é resistente embora um pouco pesada, o seu peso de envio é 8.66Kg enquanto o peso real da caixa é de 7.08Kg. Por isso, tem cerca de 1.5Kg a mais que o produto, que traduz a preocupação acrescida da Antec na protecção no transporte da mesma. Embora o peso seja um pouco elevado, é algo que nos descansa pois acaba por comprovar a preocupação da marca em que o produto chegue ao consumidor são e salvo.

Considerações sobre o Exterior

Aqui está a Antec Six Hundred v2, com um logótipo elegante e pequeno da Antec colocado no canto inferior direito. Esta caixa é constituida por uma parte superior num plástico bastante resistente. Já as laterais e a traseira da Antec Six Hundred v2 é constituída por metal, nas laterais de cor preta e na traseira de cor cinza claro. Também  podemos ver a baía hot-swap para discos 2.5″ que falei inicialmente, juntamente com a grade dianteira perfurada para um maior fluxo de ar.

Antec Six Hundred V2

Numa das laterais da caixa podemos observar uma janela composta por uma placa de acrílico para que possamos ver a parte de dentro da caixa, pessoalmente é um detalhe que gosto bastante pois dá para mostrarmos um pouco do nosso hardware sem ter de abrir a caixa.

Antec Six Hundred V2

É de salientar também a possibilidade de instalar uma ventoinha na abertura acrílica da lateral da caixa, algo que eu gosto também é a inclusão de um conjunto de borrachas de silicone, que reduz as vibrações. Também é bem ventilada para melhor circulação de ar. O suporte para a ventoinha está bem posicionado e não interfere com um possível dissipador que esteja montado na motherboard.

Antec Six Hundred V2

Já na outra lateral podemos observar na parte da tampa composta por uma cor preta, com um pequeno detalhe da Antec.

Antec Six Hundred V2

Antec Six Hundred V2

Vamos agora observar a parte superior da caixa, onde a Antec colocou um verdadeiro “telhado para a lua”, uma parte superior bastante personalizada. Trata-se de um material de poli-carbonato fumado que é semi-transparente. É também de frisar que quando montei o meu hardware deparei-me com um caso interessante, se colocar uma unidade de DVD ou algo instalado no slot superior não vai ser capaz de fazer uso desse recurso para ver o seu computador, pois irá tapar toda a visibilidade.

Antec Six Hundred V2

Aqui podemos ver os controladores frontais da caixa. O botão maior é o botão de energia e o mais  pequeno é o botão de reset. Isso não está detalhado com uma legenda ou assim, penso que será um ponto que a marca deve ter mais atenção nos próximos produtos. Também podemos verificar que é impossível distinguir a entrada para fones e a entrada para o microfone. Este é um problema que ao ligar os auscultadores à entrada do microfone pode dar-lhe o feedback de graves nos ouvidos, o que seria um pouco aborrecido. A pequena abertura que podemos observar na parte central da faixa, é o LED de actividade do HDD. Ao lado esquerdo podemos ver três portas USB 2.0.

Antec Six Hundred V2

Este é o nosso topo montado com uma ventoinha de 200 milímetros com LEDs com tecnologia Tri-Cool. Subjectivamente agora posso dizer que a ventoinha na velocidade máxima não é muito alta, embora também não se sente um elevado fluxo de ar. Esta ventoinha apresenta LEDs de cor azul o que dá a esta parte superior da caixa um efeito agradável. Sem esquecendo também que a ventoinha a 12V não gira com grande velocidade mantendo-se assim silenciosa.

Antec Six Hundred V2

Aqui está mais uma ventoinha na parte traseira da Antec Six Hundred v2, uma ventoinha com LEDs e com tecnologia Two-Cool. Estes LEDs não são mais brilhantes do que os LEDs da ventoinha superior de 200 milímetros.

Antec Six Hundred V2

A partir da imagem abaixo, podemos visualizar toda a disposição e estrutura da traseira da caixa Antec. Podemos ver algumas aberturas com objectivo de podermos inserir um sistema de WaterCooling na sua máquina, juntamente com as slots de expansão. Ambos precisam ser perfurados para fora para que os possa utilizar da melhor forma possível.

Antec Six Hundred V2

Estes são os controladores traseiros das ventoinhas que esta caixa traz consigo. A ventoinha de cima tem uma opção de Baixo-Médio-Alto para a velocidade da mesma, assim como um interruptor para os LEDs. A ventoinha traseira, apesar de ser listada como Two-Cool, tem uma configuração de Baixo-Médio-Alto. O LED para a ventoinha traseira está sempre ligado.

Antec Six Hundred V2

Como referi inicialmente, na parte frontal da caixa podemos ver num dos cantos da mesma o logótipo da marca. Um logótipo elegante, na minha opinião. Ao contrário de alguns modelos não é iluminado, apenas reflecte um pouco, e também não ocupa um grande espaço da caixa. Simples e bonito.

Antec Six Hundred V2

Na parte de baixo da caixa, a Antec, concentrou-se em colocar borrachas grandes e de grande espessura, para a diminuição de ruído e melhor estabilidade da mesma.

Antec Six Hundred V2

Considerações sobre o Interior

Bem e aqui está a Antec Six Hundred v2 aberta. Após ter feito a primeira abertura reparei logo que nesta caixa não podemos encontrar muitos caminhos para inserirmos os diferentes cabos, detalhe este que podemos encontrar nas caixas mais baratas e mais simples. Podemos ver também uma abertura para o outro lado da caixa no local onde será inserido a motherboard, mencionando também que esta caixa suporta no máximo motherboards ATX. É também de referir que a Antec não seguiu as outras marcas, no que diz respeito à colocação do metal que é constituída a caixa no interior em cor preta, está caixa apresenta o tradicional cinza claro. Segundo o press-release da Antec, irá sair brevemente um modelo com o interior preto.

Antec Six Hundred V2

Aqui é a entrada de hot-swap para os 2,5” HDD/SSD se conectar a partir do exterior. Além do conector SATA em si, não há nada para manter a unidade no lugar. Pessoalmente, eu gostava de ter visto usarem um sistema de “trenó” para deslizar a unidade dentro e fora.

Antec Six Hundred V2

Antec Six Hundred V2

Esta é a montagem da placa frontal de ventilação e o filtro retirado. O filtro é uma malha de alta densidade que tem sido utilizado nos últimos produtos Antec. Eu recomendo sempre que limpar esta malha, esteja num sitio arejado, pois a limpeza da mesma faz um pouco de pó a mais. Se formos a ver isso é uma vantagem, pois apenas temos remover esta placa fora da caixa e leva-la a sacudir rapidamente. Sem esquecer que também depende um pouco da periocidade com que se faz a manutenção do mesmo.

Antec Six Hundred V2

Breve Montagem e Testes

Chegou agora a altura de procedermos a montagem de todo o hardware na Antec Six Hundred v2. Para começar, a estrutura desta caixa interiormente não ajuda muito para a disposição e encaminhamento de cabos, não há nenhum buraco para encaminhar para o melhor local.

A largura desta caixa é bastante elevada o que possibilita colocar-mos dissipadores de calor  de grandes dimensões. A ventoinha do painel lateral, não interfere com os dissipadores que possivelmente esteja a utilizar.

Antec Six Hundred V2

Vejamos outro detalhe na montagem de todo o hardware na caixa, existe abundância de espaço atrás da placa onde é instalada a motherboard para os cabos, o que nos facilita na passagem do cabo de 24 pinos por traz da motherboard. O buraco da parte traseira do CPU também é grande o que nos facilita na troca do dissipador, sem ter de tirar a motherboard da caixa mesmo que o dissipador tenha backplate.

Antec Six Hundred V2

Esta caixa também é compatível com hot swap, sistema este que serve para realizar trocas de discos de maneira rápida e cómoda.

Antec Six Hundred V2

Conclusão

Antec Six Hundred V2

Quando olhamos para caixas que custam aproximadamente 80€ , como é o caso, pensamos logo que será uma excelente caixa e que irá trazer diversas funcionalidades e opções, mas acho que este produto da Antec simplesmente não tem o que é preciso para competir no mercado que se insere. A Antec oferece uma garantia de 3 anos, sim é muito melhor que na maioria dos fabricantes, mas o produto em geral não justifica o seu custo após fazermos uma boa análise ao mesmo.

Na minha opinião os pontos a melhorar neste produto são: a inclusão de um interior preto, alguns buracos para organizarmos melhor a disposição dos diferentes cabos e alargar a abertura backplate do CPU.

Apesar de tudo isto não podemos deixar de retirar mérito à produtora desta caixa, a Antec, pois podemos ter uma caixa com um excelente design e com uma excelente ventilação dentro da mesma. Como observarmos em toda a review, está caixa apresenta diversas ventoinhas de diminuição da temperatura interna da caixa como também um sistema de filtração do ar (na parte frontal) bastante eficaz.

No geral, a relação entre preço-qualidade não está muito bem atribuída, mas não deixo de tirar valor a uma simples e bonita caixa que tivemos oportunidade de analisar.

Resta-nos agradecer à Antec por nos ter cedido este produto.

0 Comentários a este artigo
  1. Boa review! a caixa é bem fixe. se fosse toda preta seria um luxo mas não se pode ter tudo. 😉 a arrumação dos cabos nesse sistema é que deixou um pouco a desejar… então o cabo de alimentação de 8pinos não dava para ir por trás? lol

  2. Boa review e boa caixa tendo em conta as caracteristicas/preço. Ao contrario do que foi dito anteriormente acho que foi bastante bem conseguida a nível de cor pois td preta iria ser mt monotona. parabens hoshi ;P

  3. tb pensei que fosse mais esse o problema mas pareceu-me que o cabo desse. com a minha fonte tb passei pelo mesmo mas como tenho uma saída/entrada de ar no fundo da caixa, virei a fonte para baixo e assim os cabos já ganham um pouco mais de espaço e já chegam à ligação, mesmo passando por trás da motherboard. neste aspecto particular, as caixas que colocam a fonte em cima têm vantagem na arrumação dos cabos.

  4. Gostei bastante do pormenor do controlador da velocidade das ventoinhas e da intensidade dos LEDs das mesmas. De qualquer das maneiras acho que uma caixa como esta merecia um interior um pouco mais trabalhado. Parabéns pela análise, gostei de ler! 😀

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos