Home Hardware AMD Phenom II X4 940

Introdução

A AMD vem de tempos difíceis no que toca ao mercado de processadores uma vez que tem sentido grandes dificuldades em acompanhar a sua rival Intel. Mas nenhum dos dois pode dar o primeiro lugar como garantido, como sabemos a AMD esteve  no topo ainda há uns anos a esta parte.

amdphenomiix4940_1

O ano passado a AMD apresentou a primeira plataforma completa do mercado, com nome de código “Spider”. Esta incorporava novos processadores, os primeiros quad-core nativos do mercado, nova série de placas gráficas e também chipsets. Esta plataforma não teve grande sucesso em particular devido ao baixo desempenho dos Phenoms e problemas de bugs logo na altura do lançamento.

No entanto a AMD não desistiu da ideia das plataformas e acaba de lançar a plataforma “Dragon” onde a grande novidade são os CPUs porque continua a utilizar chipset série 7 e placas gráficas da família 48xx. Estes novos processadores, designados simplesmente por Phenom II sofreram grandes melhorias relativamente à geração anterior e o processo de fabrico passou de 65 para 45nm o que ajudou em vários aspectos que abordaremos mais à frente.

Um exemplar desta plataforma já está connosco e portanto vamos explicar brevemente cada detalhe e depois apresentar testes e concluir sobre duas ou três coisas.

Ao contrário do que ainda muita gente pensa, a plataforma Dragon não chegou ao mercado com a intenção de destronar ou mesmo competir directamente com os topos de gama Intel Core i7. Então que público alvo tem esta plataforma? Segundo a AMD, um público-alvo situado entre o mainstream e o absolutamente topo de gama. Basicamente, onde o está o dinheiro…

Processadores Phenom II

O primeiro dado importante sobre estes processadores talvez seja o processo de fabrico. De uma geração de Phenoms para a outra o processo de fabrico diminuiu de 65 para 45nm. Este facto libertou um espaço significativo no processador e a AMD integrou um controlador de memória dual channel e também aumentou a memória Cache L3 para 6MB. Se o número de transistors já era bastante elevado (463 milhões) esta nova geração passou a ter praticamente mais 300 milhões de transistors, perfazendo um total de transistors.

Os primeiros dois modelos já estão disponíveis. Existe o Phenom II X4 920 que funciona a 2.8GHz de origem e o Phenom II X4 940 que funciona a uma velocidade default de 3.0GHz.

Ambos os processadores têm TDP de 125W, 2MB de Cache do segundo nível divida em 512Kb por núcleo e a velocidade do NorthBridge a 1.8GHz.

O modelo mais apetecível de entre os dois acima mencionados é o Phenom II X4 940 que sendo um Black Edition vem com multiplicador desbloqueado permitindo melhor overclocking.

Chipset 790GX e SB 750

Apesar do Phenom II ser compatível com todos os chipsets disponíveis para socket AM2/ AM2+, para a plataforma “Dragon” é recomendada a escolha de uma motherboard baseada no 790FX ou 790GX. Como já fizemos uma cobertura exaustiva a estes dois chipsets vamos saltar estas informações e recomendar que procurem no LiliReviews os artigos sobre o assunto.

Autor
Engenheiro Civil, a viver em Taipei, Taiwan com enorme gosto por tecnologia e partilha de informação. Estou no LILIREVIEWS desde 2007 e ao longo destes anos tive oportunidade de desempenhar diferentes funções em marcas líderes nesta área, nomeadamente na OCZ, Antec, AOC, NZXT, Razer e Gigabyte. Sou fã de novidades em hardware e passo demasiado tempo em jogos online, onde me podes encontrar com o nick MulherGorda.
0 Comentários a este artigo
  1. Sim eu tava a me referir ao todo da montagem, achei interessante xD, o meu pc nao tem assim tantas peças “grandes” lol =)

  2. Esta review e de um processador, mas como tens na foto principal a montagem completa, quem não le o resto não entende ás vezes 😀

    Nice review

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos