Home Hardware Fontes de Alimentação AeroCool Strike-X Power 600W

A AeroCool lançou-se no mercado em 2001 com produtos virados para o mercado da refrigeração de computadores pessoais e industriais. Ao longo do tempo registou alguns marcos importantes para a indústria e tornou-se numa das marcas favoritas no mercado do overclock e PC DIY (Do-It-Yourself). A marca expandiu as suas linhas de produtos a outros componentes de computadores, como as ventoinhas, painéis de controlo multi-funcionais, caixas de computadores, fontes de alimentação entre outros. Este ano, na Computex, a marca apresentou uma nova linha de produtos Strike-X que pretendem levar a AeroCool a outro nível.

Entre esses novos produtos encontra-se a fonte de alimentação Strike-X Power 600W, uma fonte de alimentação com um design agressivo e algumas características capazes de interessar a muitos utilizadores. A linha de produtos Strike-X está virada para o mercado gaming e a AeroCool faz questão de oferecer uma grande variedade de opções.

Embalagem, Conteúdo e Especificações

A embalagem de cartão tem um design agressivo com umas labaredas em fundo. Na fente encontramos uma imagem da fonte de alimentação, o logótipo da linha Strike-X, a potência e o distintivo 80Plus Bronze, indicativo da eficiência energética do produto.

Nas laterais estão detalhadas as características técnicas da fonte de alimentação em diversas línguas enquanto que atrás podemos encontrar imagens relativas às ligações e informações sobre a potência.

No interior, a AeroCool inclui para além da fonte de alimentação, o cabo de alimentação e os parafusos para montar a mesma numa caixa. Nada mais.

Estas são as características técnicas:

  • Powerful “X” theme Gaming PSU
  • Compatible with ATX 12V 2.3 and EPS 12V 2.92
  • Low Noise 13.9cm Fan with intelligent fan speed control
  • High-Efficiency (up to 85%) – 80+ Bronze Certified
  • Supports Dual Core CPU, ATI CrossFire, NVIDIA SLi and all Multi-Core GPU technologies
  • Built in next generation 6+2 pin PCI-Express graphic card connector
  • Active Power Factor Correction (PF>0.99)
  • Extremely good voltage regulation (±5%): provides steady power input
  • High reliability: MTBF>120,000 hours
  • Green power design that meets EuP requirements
  • Protections: Over Current, Over Voltage, Over Wattage, Over Temperature and Short-Circuit protection
  • Safety / EMI Approvals: CE, CB, TUV, FCC, UL

Exterior

A fonte de alimentação tem dois tipos de texturas, associadas a duas pinturas, preto e vermelho. As faces pretas têm uma textura rugosa enquanto que as faces vermelhas tem uma textura lisa. Numa das laterais a AeroCool colocou um autocolante com referência ao modelo e potência da fonte de alimentação.

Do outro lado encontra-se o habitual autocolante com a informação detalhada sobre a potência da Strike-X Power 600W.

A traseira da fonte de alimentação tem uma grelha com um formato em colmeia, que se tornou bastante habitual nas fontes de alimentação de gama média e alta desde o início do século XXI. Este tipo de formato permite uma maior circulação do ar e, assim, um maior arrefecimento dos componentes internos da fonte de alimentação.

A Strike-X Power 600W não é uma fonte de alimentação modular e, por isso, todos os cabos de ligação aos diferentes componentes teraõ de ser devidamente arrumados para que se obtenha um arrefecimento mais eficiente.

Os cabos têm um sleeving em nylon que ajuda a proteger e manter os cabos mais finos juntos e arrumados. Em termos de ligações, a Strike-X Power 600W tem uma ligação de 24 pins de alimentação da motherboard, uma ligação de 4+4 pins de alimentação do processador, uma ligação de 4 pins para drive de disquetes (FDD), seis ligações SATA, cinco ligações de MOLEX de 4 pins e duas ligações de 6+2 pins para alimentação de placas gráficas.

Um dos aspectos mais interessantes do design desta linha Strike-X é o facto do X aparecer bem marcado em todos os seus produtos. Neste caso, o X aparece no formato da grelha da ventoinha. No centro da grelha está o símbolo da linha Strike-X. Se, por um lado, o formato em X dá um ar diferente à fonte de alimentação, por outro, a ventoinha tem mais obstáculos para a passagem do ar.

Interior

Aqui no LILIREVIEWS gostamos de fornecer toda a informação que nos é possível aos nossos leitores. E isso passa também por ver o que se encontra no interior dos produtos.

No interior, encontramos um layout que indica que o fabricante é a Andyson. Este OEM fabrica também para outras marcas para além da AeroCool.

Seria de esperar que existisse algum filtro logo após o receptáculo AC mas não, a ligação ao PCB é feita de um modo directo.

Se por um lado a primeira fase de filtragem nos deixou um pouco desiludidos, já a segunda fase nos animou. Aqui podemos ver os restantes componentes de filtragem: duas bobines CM, dois condensadores Y (azuis), dois condensadores X (amarelos), um MOV (amarelo evolvido com uma membrana preta), um fúsivel (preto) e um termístor (verde).

Passando para a área do APFC encontramos um condensador da Teapo. Habitualmente este condensador apresenta valores técnicos mais elevados do que o presente nesta fonte de alimentação.

Na zona central encontramos o transformador principal e alguns rectifiers e filtros aparafusados aos coolers que ajudam ao seu arrefecimento.

No lado secundário encontramos mais condensadores da Teapo. Esta marca produz componentes de boa qualidade.

Por fim, existe mais um componente para proteger a fonte de alimentação contra sobre e sob-corrente, sobre-voltagem, sobre-potência e curto-circuito. Esta protecção está a cargo de um chip da HawYang.

Os coolers são bastante grandes e têm um desenho interessante. A AeroCool garante que foram pensados para conseguir obter o melhor arrefecimento.

A qualidade da soldagem deixa muito a desejar. Existem muitas soldagens feitas à mão com qualidade um pouco abaixo do ideal.

A ventoinha é frabricada pela Young Lin Tech para a AeroCool. O modelo é o DFS132512H de 135mm. Segundo as especificações da marca, tem uma velocidade máxima de 1700rpm, suficiente para fazer circular cerca de 91 CFM de ar produzindo pouco mais de 36 dB de ruído. Este valor de ruído é suficiente para se ouvir mas não o suficiente para se tornar incomodativo. Uma diferença introduzida pela AeroCool face ao modelo padrão da Young Lin Tech são as lâminas na parte inferior da ventoinha que servem para encaminhar o ar para a parte de trás da fonte de alimentação.

Testes

Estamos conscientes das nossas limitações em termos de testes a fontes de alimentação. Para testes realmente precisos e rigorosos são necessários equipamentos especializados de que, de momento, ainda não dispomos. As medições utilizando o multímetro são irrelevantes para tirar conclusões acerca da qualidade de uma fonte de alimentação.

Conclusão

A AeroCool lançou no mercado uma linha de produtos virada para o mercado gaming, no qual se incluem várias fontes de alimentação. A Strike-X Power 600W situa-se num patamar onde os gamers terão um computador suficientemente potente para correr os jogos praticamente no máximo, principalemnte agora que as placas gráficas mais recentes têm elevado consideravelmente o factor de eficiência energética.

Tendo isto em conta, a Strike-X Power 600W apresenta-se com um look agressivo e que irá encher os olhos de muitos utilizadores. Apesar do OEM não ser muito conceituado e nem tudo ser perfeito dentro da fonte de alimentação, os componentes são de boa qualidade e apresenta até alguns componentes que habitualmente são deixados de lado por fabricantes que querem poupar alguns trocos.

Aliado aos componentes de boa qualidade, a AeroCool garante uma eficiência energética acima dos 81%, tal como indicado pelo símbolo 80Plus Bronze que a marca ostenta.

Se por um lado, o facto de não ser modular possa ser um aspecto menos positivo, por outro, o baixo custo desta fonte de alimentação torna-a muito apelativa para qualquer tipo de utilizador. Para quem quiser mesmo uma fonte modular, a AeroCool já adicionou uma versão desta fonte de alimentação com essa característica à sua linha Strike-X.

Resta-nos agradecer à AeroCool por nos ter cedido este exemplar.

14 Comentários a este artigo
  1. Mto porreira. Uma excelente compra, pelo preço. Mas gostava de ver um review à Strike-X 800 Modular que já é 80 Plus Silver ou à Strike-X 1100 que é Gold ! Isso é que era !

  2. cade os testes ? não vi nada tecnico sobre essa fonte so comentarios pessoais sobre a fonte, não foi adicionado maquina que foi utilizado, nivel de ripple, nada, ou seja, não da para considerar esse reviews pra comprar essa fonte.

  3. Olá, em principio irei comprar uma placa grafica nova, a GeForce gtx 960 strix oc 2gb gddr5, mas ouvi casos de que a fonte queimou , que nao e compativel com a placa grafica. Podem me dizer se esta fonte seria compativel com a placa
    Abraço

  4. Comprei essa fonte e me ferrei. Ela desliga o computador, não aguenta nem uma GTX 550ti …Queimou um HD e nao consigo renderizar videos nem jogar nada.
    Cheguei a trocar a fonte na loja quando meu HD queimou mas o defeito continua. Troquei de placa mae, placa de video e nada adiantou.
    Essa fonte é lixo e a empresa nao tem suporte nem dá atenção.
    Aerocool Nunca mais!!!!!!!!!!!

    • Fala Eduardo! Obrigado pelo comentário. Esta fonte é fraca e parece que tem vindo a piorar a cada revisão, pelo feedback que vamos recebendo. Agora no Brasil tem aí o conteúdo do TecLab que é muito bom, especialmente no que toca a fontes de alimentação e placas gráficas.

      Dá uma olhada lá antes de comprar

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos