Home Notícias 7 de Março – LILIREVIEWS na CeBIT 2012

Olá a todos! Desta vez, sou eu que estou encarregue de vos guiar pela experiência do segundo dia na CeBIT 2012, em Hannover pois o cansaço é imenso e como o Marco pouco ou nada dormiu ontem, cabe-lhe a ele descansar desta vez. Ao contrário do primeiro dia, a chegada à CeBIT foi concluída pouco depois das 9:20 da manhã enquanto o termómetro ainda marcava menos de 3 graus em Niedersachsen. Depois de todas as burocracias da entrada, acelerámos para o mesmo pavilhão visitado no dia anterior para tirar algumas fotos que ficaram pendentes devido à elevada quantidade de pessoas à hora já tardia a que chegámos dia 6.

httpvh://youtu.be/FmD1_q3YpTg

Stands como o da LC Power, Thermaltake, Zotac e Asrock foram hoje fotografados com muito mais qualidade, deixando assim que possamos demonstrar o trabalho das equipas que os montaram. Dirigimo-nos à Xilence e fomos recebidos nada mais nada menos do que pelo Engenheiro que desenhou todas as caixas e fontes de alimentação da marca até à data. Ficámos a saber que se tratam de produtos pensados e criados na Alemanha utilizando tecnologias inovadoras em várias áreas.

Foi-nos apresentada a Interceptor Pro, uma caixa de proporções gigantes incluída num segmento a que eles chamam de “Mega Tower” sendo que se pode obter uma Full Tower retirando apenas a parte superior da caixa.

Nessa parte superior, podemos montar uma fonte de alimentação ATX, um sistema de Watercooling englobando um radiador de 360 no fundo e um de 480 no topo, podendo assim refrigerar tudo muito facilmente. Além disso, podemos também montar um HTPC para outro tipo de utilização, ficando com dois sistemas numa só caixa!

Para entusiastas, a Xilence inclui neste bundle um switch que permite utilizar duas fontes de alimentação no mesmo sistema para que nunca falte potência à besta que possamos estar a pensar montar dentro desta gigante caixa. O preço de venda desta caixa rondará os 250€ e podemos esperar que tal produto esteja nas lojas muito em breve.

Logo de seguida, o Alemão e Engenheiro da marca teve a gentileza de nos apresentar uma caixa que desenhou para quem quer tirar algo mais de um HTPC.

Esta caixa é pequena e simples o suficiente para conseguir encaixar-se em qualquer sala de estar, no entanto, podendo albergar uma fonte ATX normal e tendo capacidade para receber uma placa gráfica de dimensões bastante elevadas, pode tornar-se um grande concorrente às consolas do dia a dia. O preço desta caixa rondará os 45€ e será obviamente mais bem trabalhada do protótipo que vimos na exposição.

Depois de apresentadas os destaques dos chassis da Xilence, passámos para uma fonte de alimentação que nos alimentou a curiosidade derivado à estranha forma e ao facto de possuir duas fans de 80mm em vez das tradicionais fans de 120/140mm a que estamos habituados.

Segundo o Engenheiro, a evolução no que diz respeito às fontes de alimentação estagnou bastante e tentou fazer algo de diferente e revolucionário. O formato estranho da fonte serve apenas para direccionar o ar para o local indicado, sendo que o PCB da fonte de alimentação foi directamente soldado aos conectores da fonte para que não existam cabos e, com eles, perdas de eficiência.

Tal eficiência é provada por todos os modelos pois só existem certificações de 80Plus Gold e Platinum para os modelos da Xilence.

Quando questionado acerca do possível ruído das pequenas fans, o Engenheiro alemão garantiu que, apesar de mais ruidosas, as fans em questão se tornavam inaudíveis para o utilizador derivado à frequência em que actuavam. Além disso, as fans apenas necessitarão de actuar caso o sistema esteja em full load, começando por funcionar apenas uma das duas, passando para as duas em baixa rotação e só se necessário, ambas a máxima rotação.

Os condensadores vêm do Japão e soubemos também que estas fontes de alimentação não são soldadas e montadas por pessoas mas sim por máquinas, o que oferece uma menor probabilidade de acabarmos com um produto defeituoso em casa. Para comprovar tal confiança, a Xilence oferece 5 anos de garantia em toda esta gama.

Depois da Xilence dirigimo-nos para a AOC, empresa que tem como destaque um monitor que necessita apenas uma ligação USB para funcionar e que fará sem qualquer sombra de dúvida as delícias de muitos utilizadores de portátil.

Na AOC vimos praticamente todos os produtos e, durante a visita guiada, especial atenção para os valores dos monitores IPS de 23” que rondam os 150€ e claro, para os monitores USB que se mostraram bastante ergonómicos e económicos.

Além destes, gostámos também do modelo compatível com iPhones pois além de colunas 2x5W para realização de chamadas e vídeo, possui uma dock onde podemos colocar o nosso iPhone e mostrar, com grande qualidade, todo o media que temos guardado no nosso equipamento.

No entanto, é uma pena que tenhamos de usar a função de slideshow para mostrar fotos pois a funcionalidade não foi a que esperávamos.

Encontámo-nos então no stand da XFX com o senhor Meireles, alguém que trabalha na marca há já muitos anos e, para nós, uma boa oportunidade para voltarmos à nossa língua materna para discutir a história e passado da marca dentro e fora do nosso país.

Depois de uma boa conversa, fomos apresentados à R7870 que conta com um sistema de dissipação proveniente de restos de material das fuselagens dos aviões e que, além de elevada qualidade, oferece também uma óptima capacidade de refrigeração nestes novos modelos possuindo agora chips da AMD, ao contrário do que era habitual no passado.

Além desta beleza, conhecemos também o Mouse PAD da marca que nos agradou bastante pela robustez e forma única de se segurar em qualquer plataforma.

Abandonámos o stand da XFX e dirigimo-nos à MSI onde avistámos logo produtos com que já estamos familiarizados. Desde logo, o All in One e os portáteis gaming que já analisámos ou vamos analisar no sítio do costume.

Depois de umas breves palavras do chefe da equipa de Marketing da marca acerca de tais produtos, passámos então para a parte realmente interessante, onde pudemos ouvir um pouco acerca dos objectivos a curto e longo prazo da marca tais como histórias acerca das equipas gaming que patrocinam e de eventos que promovem em todo o mundo sejam eles dedicados aos jogos ou ao overclock.

A equipa do LILIREVIEWS soube então que a MSI conta com os reviewers para melhorar cada vez mais os seus produtos e foram-nos pedidos vários pontos de vista e opiniões acerca de todo o material que a marca tinha no mercado e o que gostaríamos de ver melhorado em todo esse leque.

Foi-nos apresentado um protótipo muito interessante da R7770 que conta com um sistema de refrigeração ainda em fase de testes mas, quanto a nós, tem tudo para ser bem sucedido.

Tal sistema consiste em utilizar as duas fans lado a lado tal como estamos habituados mas, sendo que uma delas é amovível, podemos retirá-la e encurtar em muito o comprimento da nossa placa gráfica, de forma a caber na nossa caixa tal como queremos. Caso seja necessário utilizar a segunda fan, a MSI vai dar-nos a possibilidade de a colocar por cima da existente, ocupando assim mais um slot das nossas PCI-e mas oferecendo o extra de refrigeração que precisamos. Tal cooler ainda é apenas um protótipo mas foi algo que nos saltou à vista.

Depois da R7770, tivemos o prazer de ver a R7970 Lightning que chegará ao mercado com um monte de features impressionantes e capazes de deixar os mais batidos neste assunto de boca aberta. A MSI já desvendou que vai incluir nesta placa gráfica um pequeno acessório que, ligado directamente ao GPU poderá aumentar a capacidade de overclock do mesmo em mais de 10%.

Quanto a pormenores, nada mais nos foi dito pois toda essa informação permanece ainda no segredo dos deuses. De qualquer das formas, e além do amarelo, é algo revolucionário no mercado das placas gráficas e o LILIREVIEWS vai contar-vos mais logo que tenhamos mais informações.

Vimos também a R7870 Hawk com o sistema de refrigeração Twin Frozr IV, o mais avançado da marca até então. Ficou também a informação de que a marca está constantemente a melhorar o Twin Frozr e, a par da saída de um novo modelo, este virá acompanhado do mais recente sistema de refrigeração, passando o anterior para as gamas logo atrás desta! Desta forma, é possível encontrar placas gráficas da MSI de gama média com sistemas de refrigeração que já foram, em tempos, das donas de records mundiais!

A nível de motherboards, vimos a Big-Bang-XPower II e o seu coldre cheio de munições em cobre maciço que, apesar de feias, oferecem uma enorme robustez e capacidade de dissipação. Claro está que se torna bastante triste falar neste tipo de hardware tendo em conta que o lançamento dos novos processadores Ivy Bridge continua a ser adiado por parte da Intel portanto, resta-nos esperar. Além da Big-Bang também pudemos ver a campeã em título X79A-GD65 (8D) e a Z77A-GD80.

Abandonámos então a MSI pois tínhamos encontro marcado com o pessoal da Razer que têm apoiado as nossas iniciativas e, mais uma vez, responderam afirmativamente a uma proposta feita por nós no final do dia 1 que consistia em juntar a equipa de League of Legends (CLG – Counter Logic Gaming) que a marca patrocina e pedir-lhes que gentilmente assinassem três pólos do LILIREVIEWS para que possam, no futuro, ser oferecidos aos participantes no torneio. Muito rapidamente um responsável pelas burocracias da equipa veio ao nosso encontro e nos deu acesso à sala onde todas as estrelas dos jogos de vídeos se repousavam e viam os jogos dos seus futuros adversários. Depois de enormes esforços para acordar o Saintvicious, passámos à fase dos autógrafos e das fotografias.

Entretanto, aproveitámos para tirar algumas fotografias de outras equipas também presentes no campeonato do mundo de League of Legends tais como os Dignitas e os SK-Gaming. Fomos muito bem recebidos na sala “Champions Lounge” da Twitch.tv por todos os membros da equipa e dos staff dos CLG. Um obrigado a todos e boa sorte para o torneio!

httpvh://youtu.be/RLOJaZSgpuU

Depois de grandes emoções junto dos PROs dirigimo-nos ao enorme stand da Cooler Master onde nos foram apresentados os últimos e futuros lançamentos por parte da marca, começando pelo topo de gama da Silencio, a 650.

Uma caixa que nos deixou estupefactos pelo simples facto de possuir um jumper na parte superior que nos permitirá trocar a prioridade do boot entre dois discos em qualquer momento.

Além disso, verificámos que a Cooler Master melhorou bastante o sistema de refrigeração, ponto menos forte dos anteriores modelos da Silencio.

A Cooler Master HAF XM é bastante similar à já aqui testada HAF X mas com proporções inferiores proporcionando todas as funcionalidades numa caixa mais compacta.

Depois da HAF XM, foi-nos apresentada uma caixa para HTPCs, a Elite 120 que nos permite montar um sistema muito facilmente devido ao facto de todo o invólucro da mesma ser amovível.

Além disso, a Elite conta com 3 pontos muito fortes: A frontal em alumínio escovado, a pintura interior e o preço pelo qual vai ser vendida, apenas 39€! Definitivamente uma caixa a considerar para quem gosta de HTPCs.

Como Cooler Master sem Coolers não é a mesma coisa, fomos apresentados às novas soluções hydro da marca. Com versões de 120 e 240mm, estes dissipadores brilham face à concorrência pelo facto de poderem ser alterados pelo utilizador, coisa que ainda é impossível em dissipadores do mesmo género da concorrência.

Os Eisberg são criados na Europa e são construídos apenas em cobre para que não existam incompatibilidades entre materiais e não se formem resíduos no seu interior.

O utilizador será capaz de trocar o líquido que circula no interior do sistema de água bem como adicionar um conector, tubo e bloco para refrigerar outro componente que ache necessário. Dissipadores que rondam os 100 e 150€ podem de facto fazer furor no mercado de hoje em dia.

Além disso, a Cooler Master apresenta um dissipador a ar de topo que possuiu uma nova tecnologia e que promete, juntamente com a marca e os representantes da mesma, resultados espantosos face a dissipadores da mesma gama.

O 412S encarou também uma versão ainda mais compacta e foi intitulado de 412 Slim, sendo que até as fans perderam 50% da espessura.

Rapidamente passamos para a zona onde estão os produtos gaming da Cooler Master, dando de caras com periféricos totalmente redesenhados com muito bom aspecto.

Podemos contar com dois teclados mecânicos muito robustos, dois ratos dotados de tecnologia ainda não divulgada, um headset já conhecido por muitos e um mouse PAD que nos pareceu muito interessante.

Além disso, a Trooper continua a ter um lugar de destaque na exposição enquanto o sistema montado dentro desta corre Track Mania Nations para que os visitantes possam experimentar e sentir as teclas dos novos periféricos da Cooler Master.

Depois disto, foi com grande surpresa que ficámos a conhecer a nova inovação da marca. A Cooler Master já começou a produzir acessórios de vários tipos para dispositivos iOS e, muitos deles apesar de protótipos saltaram à vista, e de que maneira!

Já quase no final do dia, ainda tivemos tempo para abordar um representante da marca Genius que gentilmente nos ofereceu o seu produto de referência, neste caso o já aqui falado anel controlador de apresentações. Brutal!

Amanhã será o último dia do LILIREVIEWS na CeBIT 2012 e as expectativas não poderiam estar mais elevadas. Espero que tenham gostado do nosso segundo dia pois nós adorámos.

Até logo

0 Comentários a este artigo

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos