Home Hardware Review Gigabyte Z170X Gaming G1

A Gigabyte é um dos maiores fabricantes de motherboards e uma marca bem estabelecida no mundo do hardware. A marca tem uma variedade de produtos além das motherboards, sejam gráficas, periféricos, portáteis, etc, por mais variedade que a Gigabyte crie, o seu principal centro de negócio e alvo de atenção mantém-se nas motherboards.

Tal como outras empresas, a Gigabyte tem nomenclaturas próprias para determinadas linhas de produtos para determinados nichos do mercado. Os produtos G1 já existem há algum tempo e tem passado por várias mudanças para se tentar diferenciar da concorrência a apelar aos clientes.

O mercado das MB é duro, a competição é feroz, e ser melhor que o adversário a um nível técnico é próximo de impossível. Qualquer avanço técnico é rapidamente copiado ou recriado por outra marca.

Z170X Gaming G1 é rica em features, desenhada para mais recente geração de processadores Intel, recorre ao chipset Z170 para oferecer o  melhor que conseguir ao seu  utilizador.

Características

Tratando-se de uma motherboard cujo o objetivo é ser a montra de tudo o que a Gigabyte consegue oferecer com este chipset, a lista de características é infindável, para uma análise mais cuidada recomendamos a consulta da página do fabricante.

CPU Intel® Socket 1151 for 6th Generation Core™ i7/Core™ i5/Core™ i3/Pentium®/Celeron® Processors
Supports Intel® 14 nm CPU
Supports Intel® Turbo Boost Technology 2.0
Chipset Intel® Z170 Express Chipset
Memory 4 x DDR4 DIMM sockets supporting up to 64 GB of system memory
Arquitectura memória Dual channel
Support for non-ECC UDIMM 1Rx8/2Rx8/1Rx16 memory modules
Support for ECC UDIMM 1Rx8/2Rx8 memory modules (operate in non-ECC mode)
Suporte para módulos de memória com Extreme Memory Profile (XMP)
Support for DDR4 3666(O.C) /3600(O.C.) /3466(O.C.) /3400(O.C.) /3333(O.C.) /3300(O.C.) /3200(O.C.) /3000(O.C.) /2800(O.C.) /2666(O.C.) /2400(O.C.) /2133 MHz memory modules
BIOS Support for Q-Flash Plus
PnP 1.0a, DMI 2.7, WfM 2.0, SM BIOS 2.7, ACPI 5.0
Use of licensed AMI UEFI BIOS
2 x 128 Mbit flash
Support for DualBIOS™
Graphics Integrated Graphics Processor+MegaChips MCDP2800 chip: Requires the latest Intel® Graphic Driver from GIGABYTE website.
1 x HDMI 2.0 port
Audio 2 x JRC NJM2114 and 1 x TI Burr Brown® OPA2134 operational amplifiers
Creative® Sound Core 3D chip
2/5.1-channel
Support for Sound Blaster Recon3Di
LAN 2 x Qualcomm® Atheros Killer E2400 chips (10/100/1000 Mbit)
Slots 3 x PCI Express 2.0 x1 slots
2 x PCI Express 3.0 x16 slots, running at x8 (PCIEX8_1, PCIEX8_2)
2 x PCI Express 3.0 x16 slots, running at x16 (PCIEX16_1, PCIEX16_2)
Storage 3 x SATA Express connectors
2 x M.2 Socket 3 connectors
6 x SATA 6Gb/s connectors (SATA3 0~5)
Support for RAID 0, RAID 1, RAID 5, and RAID 10
2 x ASMedia® ASM1061 chips:
4 x SATA 6Gb/s connectors (SATA3 6~7, GSATA3 8~9)~, supporting AHCI mode only
Internal Connectors 1 x OC button
1 x ECO button
3 x SATA Express connectors
2 x M.2 Socket 3 connectors
1 x I/O shield audio LED power connector
2 x audio gain control switches
5 x system fan headers
10 x SATA 6Gb/s connectors
2 x BIOS switches
1 x water cooling fan header (CPU_OPT)
1 x Trusted Platform Module (TPM) header
1 x Clear CMOS button
Voltage Measurement Points
1 x jumper Clear CMOS
2 x conectores USB 2.0/1.1
1 x conector áudio para painel frontal
2 x conectores USB 3.0/2.0
1 x conector 24-pin ATX de alimentação
1 x Botão Reset
1 x Botão para Ligar
1 x conector painel frontal
1 x conector ventoinha do CPU
1 x Conector de Alimentação 8-pinos ATX 12V
1 x PCIe power connector
Rear Panel I/O 2 x MMCX antenna connectors (2T2R)
7 x USB 3.0/2.0 ports
1 x USB 3.1 port
1 x USB Type-C™ Port, with USB 3.1 support
1 x optical S/PDIF Out connector
2 x USB 2.0/1.1 ports
5 x audio jacks (Center/Subwoofer Speaker Out, Rear Speaker Out, Line In/Mic In, Line Out, Headphone)
1 x porta PS/2 para teclado/rato
2 x RJ-45 ports
1 x Porta HDMI
Form Factor E-ATX Form Factor
Dimensões 30.5cm x 26.4cm
Garantia 2 anos

Embalagem e Conteúdo

A z170X Gaming G1 tem uma caixa gigante. É muito grossa, e embora possa parecer que é só para chamar a atenção, existe muito dentro daquela caixa, incluindo um painel frontal com portas USB3.1 e uma motherboard gigante.

A board está muito bem protegida no interior da sua própria caixa e alguns acessórios vem dentro de uma caixa ainda mais pequena. O acondicionamento do equipamento é de uma qualidade elevada, possivelmente uma das melhores que já vimos.

Todos os acessórios que estão fora da mini caixa estão embalados individualmente e o painel USB 3.1 está selado num saco anti estático. dentro da mini caixa há muito acessórios pequenos.

Na nossa lista de acessórios temos seis cabos SATA 6GB/s, um shield com LED RGB, 2-way SLI bridge e 2-way CrossFireX brigde, 3-way SLI bridge, 4-way SLI bridge, G-Connector, um bracket para prender a antena MMCX, tampas para as portas não usadas, a tal front bay, um cabo SATA Express para a tal baía, antena 2×2 MMCX, adaptador M.2 e U.2 e os papéis do costume tais como manuais, autocolantes, cds. Um embalagem rica em acessórios tal como seria de esperar de um produto com um preço de 580€.

BIOS

A Gigabyte atingiu as expectativas com os outros modos de BIOS e focou-se no modo avançado que a maioria das pessoas já utilizava em versões anteriores. Não há mais laranja e preto nem tiles que fazem lembrar o windows 8. A BIOS da Gigabyte está agora mais fácil de usar.
Já não é necessário carregar m F2 para ir para o modo avançado, somos logo agraciados com a BIOS em modo avançado. Na Z170X-Gaming G1 se entrarmos com o F3 vamos encontrar opções bastante avançadas. Os oveclockers extremos ficarão deliciados com coisas como menu de timings de IMC, mais timings de DRAM, Voltagem interna PLL e ainda voltagem de timings de DRAM.

 

M.I.T._[21-34-52]O modo avançado tem tudo o que precisamos e a Gigabyte ainda providência perfis de OC para os novatos.

Peripherals_[21-35-22]

Na UEFI temos ainda controlo dos LED RGB (e no windows também).

PC Health Status_[21-38-10]

O controlo de ventoinhas existe para cada header. Pode-se escolher entre auto, silencioso, full speed e manual. O controlo manual oferece ao utilizador a opção para escolher entre 2.5-0.75x do valor PWM divido por graus Celsius. Embora isto seja uma curva onde o PWM é o Y e a temperatura o X, seria mais simples a existência de um interface gráfico com mais algumas opções.

Software

A Gigabyte também redefiniu o software par ao windows, e desta vez parece um pouco mais apelativo, e as funcionalidades também aumentaram.
A marca oferece o EasyTune, System Information Viewer (para controlas as ventoinhas), @BIOS e App Center, bem como outras como o TimeClock.
Existem ainda outras aplicações novas tais como a HW OC (que permite controlar o OC com um telemóvel ou tablet ligado à motherboard). Platform Power Management, 3D OSD, Smart Keyboard, Easy RAID e Ambient LED para controlo dos LEDs.
Captura de Ecrã (18)

O adpatador de rede Killer tem software novo e melhorado, é necessário instalar o mesmo para tirar partido do Killer’s DoubleShot X3 Pro, não fica automaticamente instalado com as drivers genéricas. A nova aplicação permite atualizar a lista de prioridades da placa de rede através do download das configurações ou criar umas novas.

Quando temos os vários interfaces de rede ligados, o sistema vai atribuir uma cor a cada aplicação que corresponde ao interface que esta irá usar. Atualmente com as limitações de velocidade do ISP há poucos cenários onde a largura de banda de uma interface se esgote, mas no caso de termos 2 routers e uma interface ligada a cada um, o programa irá fazer a gestão de qual interface vai usar para o jogo que tenhamos aberto e para outros recursos que necessitem de utilizar a ligação à rede.

Em Detalhe

O layout da Gigabyte Z170X Gaming G1 é soberbo, cheio de componentes e features que a Gigabyte conseguiu manter elegantes e funcionais. A qualidade de construção é das melhores. O PCB e os pontos de solda parecem muito bons, consistentes e limpos. O trabalho de máquina e pintura dos heat sinks também parece estar ao nível do resto da board.

gigabyte z170x-gaming g1

Esta board é pesada o suficiente para achar pequenos roedores caso caia em cima de um.

Os botões onboard e os headers das ventoinhas estão colocados em locais lógicos e muito bem pensados, se estamos a instalar uma ventoinha na nossa caixa é garantido que muito perto da mesma existirá um header na board.

A zona do socket está bastante populada. Embora haja detalhes que mostram claramente que os heat sinks e as armaduras foram desenhadas para não interferir na instalação de coolers ou outro hardware.

Também é de notar nas tampas a taparem os conectores com rosca G1/4 para integrar um loop de water cooling.

Para o cooler do processador existem dois headers, o primário está pintado de branco enquanto que o secundário é preto e marcado como CPU_OPT.

A Gaming G1 tem quatro slots de 288-pin DDR4 que suportam memórias com velocidades até 3866Mhz. O chipset suporta até 64GB de memória com recurso a quatro módulos, 16Gb por módulo. Estão coloridos de preto e vermelho para realçar o modo de operação com dual channel. São visíveis as fases 3+2 usadas para este subsistema de memória, bastante reforçado e agradável de ver.

Logo ao lado do conector de 24-pin vemos os controlos onboard, um botão on/off, reset, ECO e OC estão lá todos. A única coisa que pode ser estranha é a proximidade do botão de CMOS com o de reset, algo bastante comum na marca, cada um tem uma cor, mas é difícil perceber qual faz o que uma vez que as marcas no PCB não estão bem visíveis.

O chipset está debaixo de um grande heat sink e também existe uma armadura à volta dos conectores SATA, ficando o heat sink e esta armadura lado a lado em harmonia.

Há esquerda vemos a pilha da board, bem colocada na nossa opinião. Ao lado desta estão dois switches, um alterna entre as duas Roms da BIOS, o outro alterna entre o modo single ou dual da BIOS. Acima da pilha estão as duas Roms soldadas ao PCB.

Os slots de expansão usam um chio PEX PLX8747 para multiplicar as linhas de PCIe e permitir configurações mais flexíveis. Os slots PCIe x16 suportam configurações 16×16 ou 8x8x8x8. Estes slots têm um reforço metálico para aguentar as gráficas cada vez mais pesadas, estas proteções também conferem um isolamento de sinal.

gigabyte z170x-gaming g1

Os slots PCIe x1 estão entre os slots de x16, há também 2 slots M.2 nestes sítios. O primeiro deles está bem colocado para evitar ficar coberto por uma gráfica, mas esta situação é um bocado inevitável no caso de um sistema com três ou mais gráficas. Suporta drives M.2 até 80mm, apenas a Asus suporta as mais compridas de 110mm.

Existem três Amp-ops substituíveis  e um chip Creative Sound Core3D do lado esquerdo dos slots de expansão. O isolamento do canal de áudio no PCB é realçado com iluminação, um caminho cortado na armadura branca permite que esta iluminação fuja e seja visível.

O painel de I/O traseiro conta com uma porta PS/2, sete portas USB 3.0, duas portas USB 2.0 (DAC UP), uma porta usb 3.1 Type-A e outra Type-X. Duas portas ethernet, conectores da antena wifi, cinco jacks banhados a ouro e uma porta ótica. As portas USB DAC UP tem alimentação isolado para ligar dispositivos de áudio DAC se assim desejado.

Testes

Sistema utilizado
CPU Intel Core-i5 6660k
Motheboard Gigabyte Z170X Gaming G1
Memória Gskill Trident Z DDR4-3200MHz 2x8GB
Disco Samsung 850 EVO
Fonte XFX XTR 650W
BIOS F5
OS Windows 10 Pro
3D Mark Fire Strike 1.1
Gigabyte Z170X Gaming G1
9026
CineBench OpenGL
Gigabyte Z170X Gaming G1
123.91 fps
CineBench CPU
Gigabyte Z170X Gaming G1
551 cb
Aida 64 Memory Copy
Gigabyte Z170X Gaming G1
23335 MB/s
Aida 64 Memory Read
Gigabyte Z170X Gaming G1
23910 MB/s
Aida 64 Memory Write
Gigabyte Z170X Gaming G1
23415 MB/s
Ubisoft Tom Clancy’s Rainbow Six Siege Average fps
Gigabyte Z170X Gaming G1
123.7 fps
GTA V average fps
Gigabyte Z170X Gaming G1
59.06 fps

Overclock

Recorrendo ao EasyTune temos imensas opções para realizar overclock, mas com apenas um clique na opção auto-tune é possível chegar aos 4.6Ghz sem esforço e sem chatices. Com um pouco de tempo e paciência poderá ultrapassar-se esta marca, a board dá bastante segurança para isso e todas as ferramentas necessárias para o fazer.

Captura de Ecrã (17)

Conclusão

Esta é uma motherboard equipada com as mais recentes tecnologias, venham elas da Intel, da Killer ou da Creative, e estão todas muito bem implementadas. A escolha de hardware é excelente, o VRM é overkill e seria o expectável numa board z170 que custa mais do que uma motherboard com chipset x99.

gigabyte z170x-gaming g1

Por quase 600€, a Z70X Gaming G1 é sem dúvida uma das motherboards mais caras e mais bem equipada com z170. Foca-se em utilizadores que querem capacidades do outro mundo, não só para agora mas para daqui a uns anos. Este tipo de produto é perfeito para quem tem dinheiro para gastar e pretende ter várias placas gráficas para servir de complemento à bridge PLX.
Seria espetacular ver melhorado o controlo de ventoinhas na UEFI, mas, tendo em conta tudo o resto, a Gigabyte trouxe ao mercado uma motherboard flagship com um preço a condizer.

Pontos Fortes

  • Incluí tudo o que é imaginável
  • Features para gaming
  • Estética e Iluminação
  • Dois tipos de USB 3.1
  • Capacidade para Multi-GPU
  • Features para Overclock

Pontos Fracos

  • Falta de interface para controlo de ventoinhas na BIOS
  • Performance em single core
2 Comentários a este artigo

Deixar um comentário

Outros Artigos