Home Hardware Review ASRock Fatal1ty Z97 Killer

A marca ASRock nem sempre foi conhecida por apresentar produtos de qualidade mas o tempo ditou que isso tudo mudasse. Desde que a ASRock se separou da Asustek que a marca tem lançado no mercado produtos muito interessantes e a parceria com o e-gamer Johnathan “Fatal1ty” Wendel tem resultado em pleno. A linha Fatal1ty da ASRock apresenta-se com muita força no mercado e é tem soluções que agradarão muito aos consumidores. Uma das motherboards desse segmento já passou aqui pelo Lilireviews, a ASRock Fatal1ty X99M Killer, e com excelentes resultados.

Hoje, porém, temos em testes uma motherboard mais simples, que utiliza o chipset Intel Z97, a ASRock Fatal1ty Z97 Killer. Esta motherboard é uma das soluções mais simples da gama Fatal1ty mas não deixa de estar recheada de características que a tornam muito competitiva em relação a outras marcas. A gama Fatal1ty foi desenvolvida a tendo em mente o utilizador gamer e não será de estranhar que não seja uma primeira escolha para quem estiver interessado em fazer overclocks agressivos. Mas será que não terá qualquer potencial de overclock? Vamos ver.

Características

Estas são as características de acordo com o site da marca:

  • ASRock Super Alloy
  • XXL Aluminum Alloy Heatsink
  • Premium Alloy Choke (Reduces 70% core loss compared to iron powder choke)
  • NexFET™ MOSFET
  • Nichicon 12K Platinum Caps (100% Japan made high quality conductive polymer capacitors)
  • Sapphire Black PCB
  • Gaming Armor
  • CPU Power – Hi-Density Power Connector
  • Memory – 15μ Gold Contact in DIMM Slots
  • VGA Card – 15μ Gold Contact in VGA PCIe Slot (PCIE2)
  • Internet – Qualcomm® Atheros® Killer™ LAN
  • Audio – Purity Sound™ 2
  • Supports 5th Generation Intel® Core™ i7/i5/i3/Pentium®/Celeron® Processors (Socket 1150)
  • Supports New 4th and 4th Generation Intel® Xeon®/Core™ i7/i5/i3/Pentium®/Celeron® Processors (Socket 1150)
  • Digi Power design, 8 Power Phase design
  • Supports Dual Channel DDR3 3200+(OC)
  • 1 PCIe 3.0 x16, 1 PCIe 2.0 x16, 2 PCIe 2.0 x1, 2 PCI
  • Supports AMD Quad CrossFireX™ and CrossFireX™
  • Graphics Output Options: D-Sub, DVI-D, HDMI
  • 7.1 CH HD Audio with Content Protection (Realtek ALC1150 Audio Codec), Supports DTS Connect
  • 1 SATA Express, 6 SATA3, 1 M.2 (PCIe Gen2 x2 & SATA, Supports 30mm, 42mm, 60mm, 80mm, 110mm M.2 devices), 6 USB 3.0 (2 Front, 4 Rear), 8 USB 2.0 (4 Front, 3 Rear, 1 Fatal1ty Mouse Port)
  • 1 COM Port Header, 1 Thunderbolt™ AIC Connector
  • Supports ASRock Full Spike Protection, ASRock Cloud, APP Shop, F-Stream, Key Master, Full HD UEFI

Para uma lista mais detalhada das características da motherboard carreguem aqui.

Embalagem e conteúdo

A ASRock tem vindo a melhorar muito a qualidade dos seus produtos e são os pequenos pormenores que fazem a diferença na altura de escolher. A embalagem da Z97 Killer assegura total proteção à motherboard e ao restante conteúdo.

asrock-z97-killer-01

O design da embalagem é bastante agressivo, em tons de vermelho e preto, e com referências a algumas características que a motherboard apresenta. Sobressaem claramente os logótipos Fatal1ty que a marca se orgulha de apresentar como parceria. Evidencia claramente a vertente gaming do produto.

asrock-z97-killer-02

A parte de trás está repleta de informação sobre as tecnologias e componentes usados na motherboard. E bastante informação mesmo.

asrock-z97-killer-03

Em termos de extras, a ASRock não unclui muita coisa, só mesmo o essencial: manual de instruções, manual de software, guia ASRock Cloud, XSplit gift certificate, 4 cabos SATA, autocolante da marca, I/O shield e CD de drivers e software

asrock-z97-killer-04

E, claro está, a motehrboard em si. Um pormenor interessante: a ASRock envia as motherboards desta série com atilhos a prender a motherboard à espuma que a envolve. Estes atilhos passam pelos buracos de fixação à caixa onde será montada mais tarde. Isto assegura uma proteção extra.

Motherboard

O layout da motherboard está de acordo com o normal para uma plataforma baseada no chipset Z97. O esquema de cores utilizado pela ASRock está de acordo com a marca Fatal1ty, preto e vermelho.

asrock-z97-killer-05

Os pricipais componentes que saltam logo para primeiro plano são os coolers vermelhos de grandes dimensões, principalmente o do chipset. A motherboard permite soluções multi-GPU (Crossfire ou SLI).

asrock-z97-killer-08

O cooler de grande tamanho é uma das características da motherboard, permitindo um melhor arrefecimento dos mosfets que se encontram por baixo. Entre os componentes de elevada qualidade que a marca inclui nesta motherboard encontram-se os NexFET MOSFET, Nichicon 12K Platinum Caps e High Density Glass Fabric PCB. Encontramos 5 conectores de ventoinhas em torno da área do CPU, 2 deles são CPU_FAN (um de 3 pinos e outro de 4 pinos). à esquerda podemos ver o chip Qualcomm® Atheros® Killer™ E2200 Series, especialmente desenvolvido para gaming.

asrock-z97-killer-07

As 4 slots de memória permite instalar até 32Gb de RAM DDR3 e a motherboard suporta overclock de memória acima de 3200MHz. As slots de RAM tem contactos dourados de 15μ, assegurando uma melhor transmissão de dados. Podemos ver os Premium Alloy Choke que a ASRock também referencia nas características e que dão mais longevidade ao sistema.

asrock-z97-killer-10

No departamento de armazenamento a Z97 Killer dispõe de 6 conectores SATA3, 1 conector SATA Express e 1 socket M.2 SATA. Junto a estes conectores SATA encontramos mais uma ligação de 4 pinos para ventoinha. O enorme cooler vermelho garante que o chipset Z97 se mantenha sempre com temperaturas baixas.

asrock-z97-killer-06

À esquerda fica a zona de audio. Atualmente é muito comum encontrar este tipo de zona dedicada nas matherboards. A ASRock optou por usar o seu Purity Sound 2 aqui, o que garante som de elevada qualidade. Também é aqui que encontramos a ligação Thunderbolt, mesmo por cima dos condensadores. Entre as slots PCIe x16 (vermelhas) podemos ver o socket M.2 SATA, a pilha de bateria e os dois chips de BIOS. Sim, aqui também temos uma tecnologia semelhante ao usado pela Gigabyte, o DualBIOS. Por fim, ao fundo encontramos todas as ligações necessárias para o painel frontal: USB, audio, power button, etc.

asrock-z97-killer-09

Quanto ao painel I/O temos, da esquerda para a direita, duas ligações USB 2.0 (a do topo é a Fatal1ty Mouse Port), uma ligação PS/2, uma ligação D-Sub, uma ligação DVI-D, duas ligações USB 2.0, uma ligação HDMI, duas ligações USB 3.0, uma ligação RJ45 (Killer 2200), duas ligações USB 3.0, conectores de audio.

BIOS

À muito tempo que as BIOS sofreram alterações visuais de modo a que seja mais fácil fazer alterações. A ASRock apresenta uma BIOS muito completa e fácil de usar. Pessoalmente gosto de ter tudo em Inglês pois estes dados já me “perseguem” à muitos anos mas existe a opção de mudar de língua e o Português está presente! A BIOS é muito extensa e demoraria imenso tempo a explicar detalhadamente tudo e esse não é o objectivo. Deixo-vos aqui praticamente todos os separadores que podemos encontrar para terem uma noção do que podem fazer.

asrock-z97-killer-15
asrock-z97-killer-16
asrock-z97-killer-17
asrock-z97-killer-18
asrock-z97-killer-19
asrock-z97-killer-20
asrock-z97-killer-21
asrock-z97-killer-22
asrock-z97-killer-23
asrock-z97-killer-24
asrock-z97-killer-25
asrock-z97-killer-26
asrock-z97-killer-27
asrock-z97-killer-28
asrock-z97-killer-29
asrock-z97-killer-30
asrock-z97-killer-31
asrock-z97-killer-32
asrock-z97-killer-33

Esta BIOS é mesmo muito completa e fácil de usar. Em termos visuais apresenta o mesmo esquema de cores da motherboard, o que é um pormenor interessante.

Software

A ASRock inclui algum software com a motherboard: ASRock AppShop, ASRock Start to UEFI e ASRock F-Stream. Destes três, o AppShop é o menos interessante e que rapidamente desinstalamos. O Start to UEFI é apenas um pequeno aplicativo que permite programar uma visita direta à BIOS na próxima vez que se reiniciar o computador. O F-Stream é de longe o mais útil.

asrock-z97-killer-34

O F-Stream é um software que permite fazer alterações ao hardware tudo no mesmo sítio, sem necessidade de ir à BIOS. No primeiro separador temos um modo rápido de fazer alterações ao desempenho do computador. A escolha remete-se a 3 opções: Performance, Standard e Power Saving.

asrock-z97-killer-35

Ao selecionar o Performance Mode podemos entrar num modo avançado e fazer overclock de um modo rápido e automático.

asrock-z97-killer-36

No segundo separador temos utilitários que permitem fazer pequenas melhorias ao gosto de cada pessoa. Por exemplo, o botão Key Master leva-nos para uma janela onde podemos definir macros para o teclado, mesmo que o teclado que temos não tenha um software próprio para isso. O Fatal1ty Mouse Port permite alterar o polling rate do rato.

asrock-z97-killer-37

O separador OC Tweaker é onde fazemos verdadeiramente as alterações de overclock. Estas alterações são implementadas sem a necessidade de ir visitar a BIOS e tem aqui tudo o que é necessário para o overclocker normal. Algo mais complexo e teremos mesmo de aceder à BIOS.

asrock-z97-killer-38

O separador System Info dá-nos todos os dados importantes sobre o sistema. Temos também um botão Hardware Monitor…

asrock-z97-killer-39

… que nos abre esta janela interactiva. Aqui, podemos ter mais informação sobre várias ligações e chips da motherboard. Esta função é muito interessante.

asrock-z97-killer-40

No separador Live Update temos acesso a todas as atualizações disponíveis para o nosso sistema de um modo fácil e completamente autónomo. Simples.

asrock-z97-killer-41

É no separador Tech Service que podemos entrar em contacto com a equipa de suporte da marca. Basta preencher o formulário.

asrock-z97-killer-42

O último separador é das definições mas resume-se só a uma. No geral, este software é fabuloso. Não só é simples, como também é fácil de usar e muito completo. Bom trabalho ASRock!

Testes

Testes, teste e mais testes… O sistema usado foi este:

  • Intel i7-4790K
  • Kingston HyperX DDR3 1600 CL9 2x4Gb
  • AMD Radeon HD7950 4Gb GDDR5 @1440×900
  • Kingston SSD VNow 64Gb
  • Thermaltake TR2 850W
  • Cooler Master Hyper 612S
  • Windows 8.1 64bits

cpuid

SuperPi 32M
ASRock Z97 Killer

454s

wPrime 1024M
ASRock Z97 Killer

388s

AIDA64 Read
ASRock Z97 Killer

20422 MB/s

AIDA64 Write
ASRock Z97 Killer

21073 MB/s

AIDA64 Copy
ASRock Z97 Killer

20221 MB/s

Cinebench R15 CPU Single Core
ASRock Z97 Killer

173

Cinebench R15 CPU
ASRock Z97 Killer

846

Cinebench R15 OpenGL
ASRock Z97 Killer

134.82 fps

as-ssd-bench
as-copy-bench

3D Mark Fire Strike
ASRock Z97 Killer

5925

3D Mark Sky Diver
ASRock Z97 Killer

18111

3D Mark Cloud Gate
ASRock Z97 Killer

22566

3D Mark Ice Storm
ASRock Z97 Killer

161966

PCMark 8
ASRock Z97 Killer

5753

Sniper Elite V2 Bench
ASRock Z97 Killer

56.4 fps

Tomb Raider Benchmark – Ultimate Quality
ASRock Z97 Killer

62.4 fps

RightMark Audio Analyzer
Frequency response (from 40 Hz to 15 kHz), dB
+0.32, +0.15
Very good
Noise level, dB (A)
-102.6
Excellent
Dynamic range, dB (A)
102.6
Excellent
THD, %
0.011
Good
THD + Noise, dB (A)
-76.5
Average
IMD + Noise, %
0.012
Very good
Stereo crosstalk, dB
-90.8
Excellent
IMD at 10 kHz, %
0.021
Good
General performance
 
Very good

É um pouco difícil avaliar os resultados dos testes sem ter uma referência mas serve esta de base para futuras reviews (e teremos brevemente mais novidades).

Overclock

Esta motherboard não foi desenvolvida especificamente para overclock mas isso não significa que o mesmo não seja possível. Utilizei a ferramenta da marca, o F-Stream, para fazer as alterações. Neste caso apenas alterei o multiplicador e não fiz alterações nas voltagens. O valor máximo estável atingido com esta simples modificação foram 4700Mhz.

cpuidoc

Este valor é bastante aceitável tendo em conta que não foram feitos ajustes de voltagem. É um bom indicador do potencial que esta motherboard tem e a simplicidade com que se pode fazer um overclock sem ter de entrar no complexo mundo da BIOS.

Conclusão

Ao fim de vários testes com a ASRock Fatal1ty Z97 Killer chegamos à conclusão que a ASRock está diferente. Os novos produtos que está a lançar no mercado não só conseguem agradar a muitos consumidores como conseguem ser extramamente competitivos face às marcas mais conceituadas e que já detêm uma grande quota de mercado. E isto são excelentes notícias para os utilizadores por diferentes razões: faz com que os preços se alterem, faz com que as marcas se mexam e faz com que haja mais escolha no mercado.

Em relação a esta motherboard em específico, fiquei bastante impressionado. Vamos por partes. A ASRock inclui não muitos extras físicos com a motherboard, mas faz-se acompanhar por um gift certificate para o software Xsplit que tem um valor de cerca de 25€ e uma subscrição de 1 ano no Orbweb.ME (cerca de 50 dólares), o que torna o valor total da motherboard muito apelativo. Já a motherboard inclui características muito interessantes comos os condensadores sólidos de elevada qualidade, os conectores dourados nas slots de RAM e PCIe, o chip de rede Killer 2200 e o excelente sistema áudio.

O software é muito bom. Simples, tudo no mesmo sítio, intuítivo, de fácil utilização, à prova de pessoas inexperientes. E tem tanta informação! Este é sem dúvida um dos factores diferenciadores para a concorrência.

Aliado a isto tudo temos o desempenho que é bastante bom, tendo em conta que esta é uma motherboard de gama baixa. Não é de todo uma motherboard recheada de elementos que a tornem uma peça indispensável para todos os utilizadores, mas é sem dúvida uma das melhores opções para quem tem um orçamento reduzido. E mesmo assim faz frente a motherboards de gama mais elevada.

selo-9_5

O Bom
Preço
Desempenho
Software
Simples
Áudio
Slot M.2
Chip de rede Killer 2200

O menos bom
Desempenho em alguns testes

Resta-nos agradecer à ASRock por nos ter cedido este extraordinário exemplar.

1 Comentário a este artigo

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos