Home Notícias Omen, o futuro do gaming pela HP

Após o lançamento de excelentes portáteis direcionados para os jogos pelas mãos da Asus, Lenovo, razer e outros, é agora a vez da HP se atirar para o mercado com um novo portátil que promete performance elevada, um perfil fino e um design de excelência.

Captura de Ecrã (5)

A HP produziu muitos portáteis direcionados para jogos no passado, mas decidiu abandonar esta vertente para os concorrentes. Agora regressa e a empresa afirma que o Omen faz parte da política da empresa de procura de crescimento e de satisfazer os clientes apaixonados e que sabem aquilo que querem.

Este portátil tem 15.6 polegadas e conjuga um i7 da Intel com uma Nvidia GeForce 860M, conta ainda com 8GB de memória e um SSD de 128GB, este fator poderá deixa-lo um pouco atrás em comparação com concorrentes que oferecem 16GB de ram e maiores capacidades de armazenamento. É um sistema semelhante ao Lenovo Y50 Touch, que tem o mesmo ecrã tátil de 1080p.

O design preto, esculpido de uma peça de alumínio com as grelhas das colunas ao longo de cada lado. As arestas finas e arredondadas do Omen parecem não deixar muito espaço para portas, e estas encontram-se na parte de trás do computador, uma opção muito presente nos portáteis de há uns anos atrás.

O teclado é retro iluminado por uma luz vermelha e possui ainda seis teclas programáveis, isto torna-o bastante apelativo para jogos e talvez lhe de uma vantagem em relação à concorrência.

Este portátil pesa 2.1Kg e tem 2cm de espessura. Estará disponível nos EUA a partir de 4 de Novembro, não deverá tardar a chegar aos outros mercados mundiais. Sabe-se ainda que esta configuração base rondará os 1500$ e terá uma outra versão com uma GeForce 860M de 4G com um SDD de 256GB por 1700$, os preços para outros mercados ainda não foram revelados pela HP.

 

0 Comentários a este artigo
  1. Baseando na experiência que tive e estou tendo com o meu pavilion dm4 1055 que hoje não funciona a placa gráfica e desliga com 10min se eu não deixar o ventilador ligado do lado, tenho certeza que será uma má ideia dar outra chance pra HP

Deixar um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Outros Artigos